Inmet inclui Foz do Iguaçu no alerta amarelo para temporais, até quarta, 17

Nos arrabaldes de Foz, onde o verde é devastado pra virar loteamentos, o céu fica com nuvens mais pesadas, no horizonte onde fica a Argentina. Foto CDB

Previsão não havia sido divulgada na manhã desta terça. Na previsão só para Foz, Inmet menciona chuva forte e trovoadas na quarta-feira.

Esta é a previsão para Foz do Iguaçu, do Inmet, para o final desta terça-feira e para quarta, 17.

Noite: “muitas nuvens com pancadas de chuva e trovoadas isoladas”, à noite. Ventos fracos.

Quarta: “muitas nuvens, com pancadas de chuva, por vezes fortes, e com trovoadas isoladas”, à tarde e à noite. Ventos fracos.

No entanto, o Inmet inclui Foz do Iguaçu na área que está em alerta amarelo para temporais, com grau de “perigo potencial”, em vigor até 11h de quarta-feira.

Embora a previsão para Foz fale em ventos fracos, o alerta diz que, em toda a região marcada no mapa, podem ocorrer ventos intensos, entre 40 e 60 km por hora. E chuvarada entre 20 e 30 milímetros por hora ou até 50 milímetros por dia.

Segundo o aviso, há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, de alagamentos e de descargas elétricas.

Os alertas do Inmet variam de amarelo (perigo potencial) a vermelho (grande perigo), passando pelo laranja (perigo).

Esta a área do Sul do Brasil que, segundo o Inmet, pode ser atingida por temporais até as 11h de quarta. Foz está ali, mas veja que o cantinho onde fica tem um certo vazio. Escapou? É provável que sim. Ou foi errinho do autor do mapa. A conferir.

ARGENTINA E PARAGUAI

O que reforça o alerta do Inmet para a região do mapa em “alerta amarelo” é a tendência de isso ocorrer também na província vizinha de Misiones, Argentina, onde para Posadas (que, em linha reta, fica a 243 km de Puerto Iguazú), foi divulgado um alerta de nível amarelo/laranja por chuvas e tormentas, pelo Escritório de Prevenção de Desastres Naturais da Argentina.

No Paraguai, já choveu forte em algumas regiões do país, como Pilar (a 400 km de Ciudad del Este) e a previsão de temporais se mantém para 11 departamentos, mas não inclui Alto Paraná, onde fica Ciudad del Este.

MUDANÇAS

A observar que, ao longo desta terça-feira, o Inmet mudou sua previsão para os próximos dias. A máxima de quarta, por exemplo, que antes seria de 27°, agora passou a 31°. E, segundo o instituto, máximas seguem em elevação, até chegar a 34° no sábado, 20.

Já não há previsão de chuva na sexta-feira, 19, apenas na quinta (“muitas nuvens com chuva”).

OUTRAS PREVISÕES

Como o Inmet alterou a previsão, vamos ver se ocorreu o mesmo com os outros serviços:

Simepar: não alterou.

AccuWeather: mantém a previsão de chuvas ocasionais e tempestades na quarta e quinta-feira.

Climatempo: alterou temperaturas previstas. Máxima de 28° (era antes de 27°) na quarta e de 31° no sábado (antes, 30°).

Tempo Agora: sem alteração.

Sistema Faep: mudou temperaturas máximas. A de quarta, que seria de 30°, foi para 31°. A de sábado mantém-se em 33°.

PRA RESUMIR

É muito provável que, como nos dois alertas anteriores do Inmet, não se concretize a previsão de muita chuva, ventos fortes e até granizo.

Mas o alerta não é pra assustar. É pra prevenir a possibilidade de isso acontecer.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ tem 1149 posts e contando. Ver todos os posts de Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.