Foz tem mais 6 mortes por covid-19; óbitos pela doença passam de 800 na cidade

Dois falecimentos ocorreram em abril. Taxa de ocupação na UTI do Hospital Municipal é de 94%.

Com mais seis mortes relatadas no boletim desta quinta-feira, 6, Foz do Iguaçu chegou a 801 vidas perdidas devido à covid-19, desde o início da pandemia. Os dados epidemiológicos são da prefeitura.

Segundo a agência pública, dois falecimentos ocorreram no mês passado, em abril. A causa das mortes estava sob investigação, tendo sido confirmada tratar-se da infecção pelo novo coronavírus.

O boletim epidemiológico desta quinta-feira registra, ainda, 88 novos casos de covid-19 em 24 horas. São 523 situações ativas, com risco de transmissão do vírus, entre as quais 380 pessoas estão isoladas em suas casas e 143 se encontram internadas.

O município acumula, desde março do ano passado, 34.258 diagnósticos positivos da doença. Desses, 32.934 remetem-se a pessoas tidas como recuperadas pelo serviço municipal de saúde.

Referenciado para o atendimento a pacientes com covid-19 na região, o Hospital Municipal Padre Germano Lauck segue com alta ocupação dos leitos de UTI. A taxa é de 94%, com 66 pacientes internados nas 70 vagas ofertadas.

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.