Saúde confirma 8º caso da variante delta no Paraná

Ocorrências da nova cepa do coronavírus foram em quatro cidades - Foto: Agência Estadual de Notícias

A mulher de 46 anos faleceu em junho; Secretaria da Saúde afirma não haver transmissão comunitária.

O oitavo caso da variante delta do coronavírus foi confirmado no Paraná pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) nessa quarta-feira, 14. A ocorrência foi em uma mulher, de 46 anos, de São José dos Pinhais, que faleceu pela doença em junho.

Leia também:

Paraná confirma mais 3 casos da variante delta; agora são 7 ocorrências

O caso, como todos os demais, foi confirmado por sequenciamento genômico pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro. A vítima apresentou sintomas de covid-19 em 15 de julho, foi internada e faleceu no dia 18.

Agora são quatro óbitos atribuídos à cepa que surgiu na Índia. De acordo com a Sesa, não ainda não há transmissão comunitária, uma vez que os casos são isolados em cinco municípios diferentes. Equipes da secretaria e do Ministério da Saúde fazem investigação epidemiológica da variante no Paraná.

“Neste momento estamos realizando uma investigação ampliada e aprofundada no estado para a avaliação do grau de transmissão da variante delta”, disse o secretário de estado da Saúde, Beto Preto. Segundo ele, a cepa é considerada de atenção, por isso o pedido de apoio do ministério.

Casos

Apucarana: primeiro caso da variante delta registrado no dia 2 de junho, em uma mulher de 71 anos, que está bem.

Depois dela, a cepa foi confirmada em outras três pessoas do mesmo grupo familiar ou de contato próximo. O segundo foi em uma gestante, que teve contato com a filha do primeiro caso, falecendo – o bebê está bem.

A terceira ocorrência da variante delta foi em um homem de 74 anos, marido do primeiro caso, que também está bem. O quatro diagnóstico foi do filho do primeiro caso, um homem de 58 anos, que faleceu em maio.

Francisco Beltrão: homem de 60 anos, que teve alta médica e está bem.

Mandaguari: homem de 28 anos, que faleceu.

Rolândia: mulher de 59 anos, que passa bem.

As confirmações da variante delta nas pessoas de Francisco Beltrão, Mandaguari e Rolândia ocorreram em 8 de julho pela Secretaria de Estado da Saúde.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Paulo Bogler - H2FOZ tem 1361 posts e contando. Ver todos os posts de Paulo Bogler - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.