Itaipu lança projetos artísticos para a comunidade da região

Na semana do aniversário da Itaipu, que completou 47 anos no dia 17 de maio, a Diretoria de Coordenação lançou uma série de projetos artísticos voltados para a comunidade. São exposições e oficinas de grafitagem que estarão disponíveis aos municípios do Oeste do Paraná nos próximos meses.

Nesta quinta-feira (20), as inaugurações de um painel de grafite na usina e de uma exposição itinerante sobre os trabalhadores de Itaipu marcaram o lançamento dos projetos.

As exposições itinerantes levam parte do Ecomuseu da Itaipu para toda a comunidade. São cinco temas, abordando os trabalhadores da Itaipu, o Oeste Paranaense, as pesquisas arqueológicas e ambientais e fotografias que mostram as belezas da usina hidrelétrica.

Inicialmente, elas estarão expostas nos edifícios da Itaipu, mas, em breve, vão participar do circuito de exposições itinerantes promovido pelo Ecomuseu na região – atualmente, três mostras já circulam nos municípios do Oeste Paranaense.

“Um dos aspectos mais importantes da história de uma corporação é a sua cultura, porque ela sintetiza a alma daquela corporação. Por isso, vamos seguir sempre cultivando nosso passado, nossa tradição e nossa cultura”, afirmou o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general João Francisco Ferreira, que participou da inauguração das exposições no Centro Executivo da Itaipu, ao lado de outros diretores da binacional.

Lançamento dos projetos foi nesta quinta-feira. Foto Sara Cheida

De acordo com a gerente da Divisão de Educação Ambiental da Itaipu, Leila Alberton, as exposições itinerantes são uma espécie de “pílulas do Ecomuseu” que estarão disponíveis para toda a população da região.

Leila explica que o Ecomuseu está passando por uma ampla reforma e que este é o melhor momento para levar o acervo do espaço para outros locais. “Vamos continuar com a ideia de reconhecer o passado, valorizar o presente e construir o nosso futuro”, resumiu.

OFICINA DE GRAFITE

 

Nas duas fotos acima, detalhes do grafite “A energia das águas”. Fotos Rubens Fraulini

O painel de grafite “A energia das águas” tem 190 metros quadrados e uma infinidade de cores. Localizado no muro do estacionamento de um dos prédios da Itaipu, ele representa temas caros à binacional: energia, sustentabilidade e desenvolvimento econômico e social.

O painel foi grafitado pelo artista de Toledo Isaac Souza de Jesus, que começou a sua trajetória no Projeto Florir Toledo, que tem o apoio da binacional.

Agora, Isaac vai levar as cores utilizadas no painel da Itaipu para uma série de oficinas de grafite ofertada a crianças e adolescentes, por meio de um convênio da Divisão de Educação Ambiental com o Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros.

O objetivo é que as oficinas sirvam de instrumentos de educação ambiental e de cidadania, e o trabalho com os jovens a possibilidade de eles deixarem uma contribuição para a sociedade.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.