Argentina: província de Misiones chega a meio milhão de vacinas contra a covid

Ponte da Fraternidade está com restrição de acesso desde março de 2020 - Foto DNIT

A campanha de imunização contra o novo coronavírus na província argentina de Misiones chegou, nessa segunda-feira (5), à marca de meio milhão de vacinas aplicadas. A população é estimada em 1,2 milhão de habitantes, 80 mil deles na fronteiriça Puerto Iguazú. Os imunizantes são os desenvolvidos pelos laboratórios Gamaleya (Sputnik V), Sinopharm e AstraZeneca.

De acordo com o balanço detalhado pela pasta local da Saúde, 104.950 misioneros já estão protegidos com as duas doses, o que inclui profissionais de saúde, trabalhadores de serviços essenciais e adultos com ou sem comorbidades. O total de vacinados apenas com a primeira dose, de 29 de dezembro de 2020 até ontem, era de 395.103.

Nos últimos sete dias foram aplicados, em toda a Argentina, 2,5 milhões de imunizantes contra a covid-19, maior volume até o momento. Dados do Ministério da Saúde apontam que 54% da população maior de 18 anos recebeu pelo menos uma das 27,6 milhões de doses distribuídas pelo governo federal argentino.

Nessa segunda-feira, o país vizinho registrou 17.277 novos casos e 621 mortes atribuídas ao novo coronavírus. Em Misiones, foram 171 infectados e quatro mortos. Puerto Iguazú teve nove casos novos e dois falecimentos. A cidade fronteiriça registra, neste momento, 57 moradores na fase ativa da doença. Em toda a província, são 1.616.

Foz do Iguaçu

Do lado de cá do rio, dados atualizados no final da tarde de ontem pela Secretaria Municipal de Saúde apontam que Foz do Iguaçu aplicou, desde janeiro, 142.579 vacinas contra a covid, com 29.737 iguaçuenses (15% da população adulta) já tendo a proteção completa (duas doses ou dose única da Janssen). O mesmo boletim informa que 56,9% dos iguaçuenses acima de 18 anos receberam pelo menos uma dose da vacina.

O agendamento para a faixa etária dos 40 anos foi retomado no site http://vacinacao.pmfi.pr.gov.br/, com vagas limitadas conforme a disponibilidade de horários e doses. No momento da imunização, é preciso apresentar documento de identidade, CPF, comprovante de residência e Cartão SUS (se tiver).

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Guilherme Wojciechowski - H2FOZ

Guilherme Wojciechowski é repórter colaborador do H2FOZ. E-mail: [email protected] - Veja mais mais conteúdo do autor.

Guilherme Wojciechowski - H2FOZ tem 125 posts e contando. Ver todos os posts de Guilherme Wojciechowski - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.