H2FOZ | Notícias | Foz do Iguaçu
  1. Home
  2. Notícias

Por: Cláudio Dalla Benetta - H2FOZ

Caminhoneiros de médio porte do Paraguai ameaçam fechar tráfego de cargas na Ponte da Amizade

Caminhoneiros de médio porte do Paraguai ameaçam fechar tráfego de cargas na Ponte da Amizade
Na segunda-feira, caminhões de médio porte foram impedidos de passar para o Brasil. (Foto: Última Hora)

H2FOZ - Cláudio Dalla Benetta

O sindicato paraguaio que representa os caminhoneiros de transporte internacional de médio porte ameaça fechar a passagem de cargas na Ponte da Amizade, em protesto contra a proibição de entrarem no país vizinho com mercadorias procedentes do Brasil, informa o jornal Última Hora.´

Na segunda-feira, 25, vários caminhões que iam atravessar a ponte, rumo ao Brasil, foram impedidos pelo Exército paraguaio.

Nesta terça, 26, os caminhoneiros pretendem analisar os documentos com as autoridades de Aduana, para que possam entrar com suas cargas no país, mas se não houver acordo ameaçam fechar as fronteiras.

"O comandante Walter Díaz, da Base Naval del Este, disse que (a passagem) está proibida porque supostamente somos contrabandistas. E eu acredito que se alguém vai acusar deve ter provas contundentes. O caminhoneiro pode ser contrabandista, mas se um erra, que seja castigado um, e não 200", disse Ricardo Ruiz Díaz, secretário geral do sindicato.

Os transportadores de médio porte se recusam a aceitar a proibição de cruzar ao lado brasileiro, apesar de existir uma norma das Aduanas do Paraguai que não inclui esse tipo de transporte no sistema de trânsito vicinal fronteiriço.

Veja Também