H2FOZ - Foz do Iguaçu
  1. Home
  2. Notícias

Convenções intensificam negociações partidárias

Convenções intensificam negociações partidárias
Partidos terão duas semanas para definir candidaturas e coligações (Foto: Agência Brasil )

H2FOZ - Paulo Bogler 

O período para a realização de convenções partidárias começa nesta sexta-feira, 20, e termina no dia 5 de agosto. Neste prazo, acontecem encontros municipais, estaduais e nacionais para a escolha de candidatos a deputado estadual e federal, senador, governador e presidente, cargos que estarão em disputa no pleito deste ano. 

As convenções dão a largada às eleições de 7 de outubro. Elas definem o cenário político ao oficializar os candidatos, as alianças entre os partidos e a linha geral dos programas que serão apresentados ao eleitor. As candidaturas endossadas nos encontros deverão ser formalizadas pelas agremiações na Justiça Eleitoral até o dia 15 de agosto. 

As convenções partidárias ainda são utilizadas para intensificar as negociações entre as agremiações e postulantes a representações públicas. Desistências de candidaturas e apoio a outros nomes, coalizões, espaços em eventuais futuras administrações e outros acordos são constantes nesse período.  

Pela natureza das eleições de 2018, as definições das candidaturas em geral serão formalizadas em convenções estaduais e nacionais, conforme estatutos dos partidos. Algumas agremiações nas cidades mobilizam-se para ampliar o debate entre as direções, candidatos e filiados.

As decisões municipais podem  influenciar as resoluções nas instâncias superiores, principalmente em torno dos nomes que concorrerão a deputado estadual e federal. 

Candidaturas

Em Foz do Iguaçu, a expectativa é em torno do número de candidatos a deputado estadual e federal. Dezenas de pretendentes já apresentaram seus nomes publicamente, e muitos realizam a pré-campanha autorizada pela Justiça Eleitoral. Como em eleições anteriores, nem todos passarão pela “peneira” das convenções, que muitas vezes levam os partidos a preferir composições. 

No Paraná, o PSD realizará convenção no dia 21 de julho e deverá indicar Ratinho Junior como candidato ao Governo do Estado. O encontro será em conjunto com PSC, PR, PV, PRB, PHS e Avante. Na mesma data deverão acontecer as convenções do MDB e do Pros. A dúvida é sobre o caminho que o partido do senador Roberto Requião irá seguir. 

Ainda em julho, o Psol formalizará o nome do Professor Piva ao governo do Paraná, em convenção com o PCB no dia 27. O PT pretende indicar como candidato a governador o ex-deputado federal Dr. Rosinha, no dia 28. A Rede encaminhará Jorge Bernadi, ex-vereador de Curitiba, à chefia do Palácio Iguaçu, em encontro no dia 29. 

O PDT tem convenção marcada para o dia 4 de agosto, que poderá homologar Osmar Dias para o governo, esperando já ter a posição de Requião. No dia 5, o PP deverá reunir-se para indicar Cida Borghetti à campanha de reeleição, que espera a adesão do PSDB, de Beto Richa.