H2FOZ | Notícias | Foz do Iguaçu
  1. Home
  2. Notícias

Por: Assessoria

PTI lança no Show Rural Coopavel, em Cascavel, novo edital de incubação

PTI lança no Show Rural Coopavel, em Cascavel, novo edital de incubação
Empresa incubada no PTI tem chance de ganhar o mercado com conhecimento adquirido. (Foto: Kiko Sierich)

Está marcado para o Show Rural Coopavel, que acontece entre os dias 3 e 7 de fevereiro, em Cascavel, o lançamento do novo edital da Incubadora do Parque Tecnológico Itaipu (PTI).

A proposta, desta vez, é diferente: aliar demandas de empresas de médio e grande porte do Paraná a empreendedores e startups dispostos a propor soluções.

O lançamento do edital 2020 da Incubadora é uma das atrações que o Parque Tecnológico leva a 32ª edição do Show Rural.

Agronegócio é um dos focos de atuação do PTI que, juntamente com seus parceiros, leva à feira uma pequena mostra de tecnologias e inovações que vem desenvolvendo para tornar o setor ainda mais competitivo.

O ganho de competitividade também é o principal objetivo do novo edital da Incubadora, que será dividido em duas etapas.

Na primeira fase, serão recebidas demandas de empresas paranaenses, nas linhas de atuação do PTI: Agronegócio, Energia, Turismo e Cidades, e Segurança de Infraestruturas Críticas.

Na segunda fase, empreendedores e startups irão propor soluções para as demandas enviadas. A Incubadora do Parque Tecnológico vai selecionar 48 propostas, que receberão uma bolsa-auxílio para o desenvolvimento de um protótipo, em um período de dois meses.

Os protótipos serão avaliados pelas empresas demandantes e os oito projetos com maior pontuação entrarão para a incubação no PTI, onde terão acesso a toda estrutura da instituição, que inclui coworking, sala de prototipação e sala de design thinking da Incubadora, laboratórios, serviços e demais espaços do Parque.

Também receberão consultorias e mentorias, além de recursos para dar suporte ao desenvolvimento do produto, em um prazo de até doze meses. Mais informações serão divulgadas no lançamento do edital, marcado para o primeiro dia do Show Rural, segunda-feira, 03.

O PTI no Show Rural 2020

Projetos do Parque Tecnológico que podem auxiliar o incremento da produtividade do agronegócio estarão à mostra no estande do PTI na feira, no espaço do Show Rural Digital.

É o caso, por exemplo, das aeronaves não tripuladas, popularmente conhecidas como drones, que captam imagens em locais de difícil acesso de forma segura - o que permite, por exemplo, a otimização do monitoramento da produção.

As estações meteorológicas de baixo custo desenvolvidas pelo Parque também são exemplos das tecnologias que estarão no estande.

Elas compõem o projeto da “Fazenda Inteligente”, por meio do qual o Parque disponibiliza infraestrutura de rede em locais onde não há acesso e, através da aplicação do conceito de Internet das Coisas (IoT), faz a medição dos dados agrometeorológicos para auxiliar a tomada de decisões no campo.

O biogás com fonte alternativa de energia elétrica, térmica e de biocombustível e com potencial de reduzir custos e diversificar a renda do agronegócio será apresentado pelo CIBiogás no estande do Parque Tecnológico.

O Centro acumula cases de sucesso no Paraná, como é o caso da Granja Haacke em Santa Helena, no Oeste do Estado,  onde o que era problema - o passivo ambiental - foi transformado em ativo energético.

O estande do Parque Tecnológico também terá uma programação de palestras de segunda a sexta-feira, com temas como eficiência energética, inteligência de dados, sistema de plantio direto e inovação e negócios.

O diretor superintendente do PTI, general Eduardo Castanheira Garrido Alves, também ministra uma palestra sobre o “PTI e a inovação para o agronegócio” no Fórum de TI das Cooperativas do Paraná, na quinta-feira, 06, às 14h.

X