H2FOZ | Notícias | Foz do Iguaçu
  1. Home
  2. Notícias

Por: Paulo Bogler - H2FOZ

Vereadores de Foz instalam quatro CPIs na sessão desta quinta

Vereadores de Foz instalam quatro CPIs na sessão desta quinta
Comissões parlamentares apuram serviços e contratos de administrações anteriores (Foto: Marcos Labanca/Arquivo )

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu instalou quatro CPIs (Comissão Parlamentar de Inquérito) simultâneas na sessão desta quinta-feira, 5. As comissões foram solicitadas pelos vereadores João Miranda (PSD), Edson Narizão (PTB), Rogério Quadros (PTB), Nanci Rafagnin Andreola (PDT), Marino Garcia (sem partido) e Luiz Queiroga (DEM).

Como os pedidos reúnem o número necessário de signatários, as CPIs são instaladas sem a necessidade de aprovação pela plenária. O presidente da Casa de Leis, Beni Rodrigues (PSB), deverá indicar três membros para cada uma das comissões abertas, que terão duração de 180 dias.  

Os processos investigatórios visam apurar eventuais irregularidades em obras e serviços realizados em gestões anteriores. São alvos possíveis danos ambientais na construção de um barracão e um centro de educação infantil, compra de maquinários e contrato do transporte coletivo, todas medidas realizadas em administrações anteriores, além de investigação sobre a destinação do lixo.

Com as novas comissões parlamentares de inquérito, agora são cinco processos investigatórios simultâneos no Legislativo, pois já existe a investigação relacionado à iluminação pública, o que impede temporariamente a abertura de outras CPIs.

O vereador Edílio Dall'Agnol (PSC) foi à tribuna para questionar a abertura das comissões. "Achei estranho. Durante três anos, nenhuma CPI foi aberta nesta Casa de Leis para investigar a administração atual ou a anterior. Essas CPIs trancam a pauta. Por que não investigar a atual [gestão municipal]?", indagou.

Novas CPIs

Requerimentos n° 309 e n° 312
Finalidade: Apurar e investigar indícios de danos ambientais nas construções do Barracão no Jardim Ana Rouver e da Creche Bento Vidal.
Clique para acessar 309 e 312.

Requerimento n° 310
Finalidade: Apurar e investigar indícios de irregularidades no consórcio Condoexte, para compra de maquinários.
Clique para acessar.

Requerimento n° 311
Finalidade: Apurar e investigar indícios de fraude na licitação do transporte coletivo, com base na Operação Riquixá.
Clique para acessar.

Requerimento nº 318
Finalidade: Apurar e investigar indícios de irregularidades na destinação do lixo.
Clique para acessar.