Sociedade civil pede a vereadores eleitos gestão atuante e construtiva em Foz

Fiscalização, transparência e desenvolvimento pautaram a reunião nesta quinta-feira, 26, com representantes na Câmara Municipal na próxima legislatura. Assista ao vídeo. 

Membros de organizações da sociedade civil se reuniram, nesta quinta-feira, 26, com vereadores eleitos em Foz do Iguaçu no pleito deste ano. O objetivo foi apresentar o trabalho desenvolvido pelas entidades nas áreas de controle social e desenvolvimento e ampliar o diálogo com os novos representantes da população no Legislativo.

Assista ao vídeo:

Os vereadores eleitos receberam dos dirigentes das instituições o pedido de uma legislatura atuante e construtiva. Foi enfatizada a função fiscalizadora que deve guiar a Câmara Municipal, a importância da transparência nas instâncias públicas e a necessidade de um trabalho conjunto pelo desenvolvimento do município.

Compareceram ao evento os vereadores eleitos Admilson Galhardo (Republicanos), Adnan El Sayed (PSD), Alex Meyer (PP), Anice (PL), Edivaldo Alcantara (PTB), Jairo Cardoso (DEM), Kalito Stoeckl (PSD), Ney Patrício (PSD), Protetora Carol (PP), Rogério Quadros (PTB) e Yasmin Hachem (MDB). Justificaram a ausência o Cabo Cassol (Podemos), Dr. Freitas (PSD), João Morales (DEM) e Maninho (PSC).

Cada representante na Casa de Leis, a partir do ano que vem, pôde explicar como pretenderá exercer seu mandato. Da equipe do Observatório Social do Brasil – Foz (OSB-FI), Thyago Klipe expôs o trabalho de controle social da entidade. Programa de retomada econômica, o Acelera Foz foi apresentado pelo consultor do Sebrae Marcelo Padilha.

“Nosso propósito é enfocar ações propositivas. Podemos trabalhar juntos em uma série de ações, pois uma má gestão pesa tanto quanto a corrupção aos cofres públicos”, sublinhou o presidente do Observatório Social, Danilo Vendruscolo. “Lançamos o desafio aos vereadores eleitos para melhorarmos a posição da nossa cidade no ranking da transparência”, destacou.

Representantes do Codefoz, Observatório Social e ACIFI coordenaram a reunião – Foto: Marcos Labanca

Diálogo entre entidades e vereadores

O presidente da Associação Comercial e Empresarial (ACIFI), Faisal Ismail, explicou que foi realizada uma demonstração das ferramentas com as quais a sociedade civil trabalha, mostrando como cada vereador pode contribuir. “Sem uma Câmara atuante junto conosco, a cidade não se desenvolve. Queremos uma legislatura propositiva, atuante e construtiva”, enfatizou.

O presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codefoz), Mario Camargo, disse aos integrantes da próxima legislatura que o papel do conselho é fortalecer o diálogo com as autoridades públicas. “Essa aproximação é para que os vereadores conheçam o trabalho das entidades. Todos nós temos o compromisso de trabalhar em conjunto pelo futuro de Foz do Iguaçu”, asseverou.

Parceria

A mais votada nas eleições municipais, a vereadora eleita Protetora Carol afirmou que legislará com conselhos e instâncias de controle social. “Eu e meu gabinete estaremos sempre de prontidão para receber sugestões e estabelecer parcerias. Espero que, cada qual na sua esfera, sermos dignos da representação popular que nos foi confiada”, pontuou.

Vereador eleito mais votado, Kalito Stoeckl garantiu que as organizações da sociedade civil poderão contar com seu mandato para ações e projetos. “As entidades são nossas parceiras, pois os objetivos são os mesmos.” Ele citou que pretende desenvolver a legislação municipal sobre compliance, que prevê boas práticas de gestão pública.

Presenças

Também participaram da reunião o vice-reitor da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila), Luis Evelio Garcia Acevedo; o presidente do Conselho Superior da ACIFI, Valter Venson; o vice-presidente do Codefoz e presidente do Visit Iguassu, Felipe Gonzalez; o secretário do Codefoz, Coronel Jorge Áureo; o consultor do Sebrae Paraná Marcelo Padilha; e o ex-presidente da ACIFI e do Codefoz Roni Temp.

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.