H2FOZ | Notícias | Foz do Iguaçu
  1. Home
  2. Professor Afonso

Uma nova Foz do Iguaçu está sendo gestada

Foz do Iguaçu cidade do Paraná - Fronteira com Paraguay e Argentina (Foto: Marcos Labanca)

Prof. José Afonso de Oliveira I OPINIÃO

Isso mesmo, uma nova Foz do Iguaçu está sendo gestada, e isso é visível e perceptível com a ampliação da pista do aeroporto internacional da cidade.

O aeroporto passou, recentemente, por uma reestruturação, uma grande reforma, e agora está em plena atividade, ao mesmo tempo em que estão ocorrendo as obras de duplicação da pista.

Isso pode parecer, à primeira vista, que não tem lá grande importância, mas implica aumentar, e muito, a sua capacidade de aterrissagens e decolagens com aviões de maior porte.

É graças a isso que receberemos aviões de todas as partes do mundo, tanto em voos regulares quanto em voos fretados, o que irá transformar completamente toda a nossa infraestrutura de atendimento aos turistas que nos visitarem.

Significa perceber que o nosso atendimento de bares, restaurantes e hotéis será muito mais ampliado, com a possível entrada de grupos internacionais, o que vai impulsionar e ampliar muito o fluxo de turistas.

A cidade já tem toda uma boa estrutura de atendimento, mas com a previsão de ampliação isso vai significar maiores recursos, empregos em mais quantidade e com melhores qualificações, um comércio muito mais dinâmico, inclusive com venda de produtos em sistema de free shop, conforme já está começando a acontecer.

Bom perceber também que, ocupando uma posição estratégica com Puerto Iguazú, na Argentina, e Ciudad del Este, no Paraguai, estamos centralizando todo o fluxo de turismo internacional que vai dirigir-se para as cidades fronteiriças.

Tudo isso significa também que os nossos atrativos existentes e em funcionamento terão de sofrer uma série de melhorias com a finalidade de ampliar a oferta, permitindo que os turistas permaneçam mais tempo na cidade. 

Finalmente podemos pensar na realização de eventos culturais envolvendo os países latino-americanos, o que seria um dos pontos altos para a atração de turistas internacionais. Dotando a América Latina de uma cultura muito rica e bem diversificada, isso seria a base para a realização de eventos que vão ao encontro de música, cinema, artes plásticas, gastronomia etc.

Tudo isso tem de ser pensado e projetado de forma imediata, pois a chegada de turistas à cidade deve encontrar novas situações para o lazer e divertimento de todos.

* Prof. José Afonso de Oliveira é sociólogo e professor universitário em Foz do Iguaçu.
_________________________________

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do H2FOZ.

Quer divulgar a sua opinião. Envie o seu artigo para o e-mail [email protected]

X