Dinheirama. Prefeitura estima em R$ 1,5 bilhão caixa da gestão para 2023

Sede da Prefeitura de Foz do Iguaçu - Foto: Marcos Labanca/Arquivo

Mais notas do Blog da Redação: Câmara pauta nova denúncia de “rachadinha”; cidadã honorária; empresas e segurança; Gol e Avianca juntas.

Por Alexandre Palmar e Paulo Bogler

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

A proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2023 foi apresentada pela prefeitura nesta quarta-feira, 11, em audiência pública. A previsão é que a gestão de Chico Brasileiro tenha, no próximo ano, R$ 1,579 bilhão para cobrir as despesas.

Audiência pública de apresentação da LDO nesta quarta-feira, 11 – Foto: Prefeitura de Foz

Segundo a administração, o projeto será enviado nesta semana aos vereadores. As secretarias com maior previsão orçamentária são Saúde (R$ 405 milhões), Educação (R$ 304 milhões) e Administração (R$ 113 milhões), de acordo com informe da prefeitura à imprensa.

“Rachadinha” em pauta

A Câmara de Vereadores incluiu na pauta desta quinta-feira, 12, a denúncia contra a vereadora Protetora Carol Dedonatti, por eventual prática de corrupção e “rachadinha”. Em sua representação, o eleitor Alexsandro Gebing ainda a acusa de “improbidade administrativa, por utilizar-se do cargo para interferir indevidamente na Diretoria de Bem-Estar Animal”.

Cidadã honorária

A Assembleia Legislativa aprovou projeto que concede o título de Cidadã Honorária à empresária iguaçuense Philomena Maria Morello Raffagnin, de 93 anos, uma das pioneiras da cidade. A proposta é do deputado estadual Soldado Fruet (PROS).

Empresas e segurança

A segurança cibernética preocupa as organizações. Oito a cada dez empresas brasileiras preveem elevar gastos na área, em 2022, acima da expectativa mundial (69%). Os dados são da pesquisa Global Digital Trust Insights Survey 2022.

Gol e Avianca juntas

Controladores da Gol, uma das maiores companhias aéreas do Brasil, e da colombiana Avianca anunciaram a formação de uma holding para compartilhar a mesma plataforma de negócios, que deverá atuar com o nome de Abra. A nova empresa terá capital fechado e será sediada no País de Gales, no Reino Unido.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Blog da Redação

Blog da Redação é de responsabilidade dos jornalistas do Portal H2FOZ. Veja mais mais conteúdo do autor.