Dados foram divulgados nesta quinta pelo Novo Caged - Foto: USP Imagens

Foz tem saldo de 391 empregos em julho; 267 são do setor de serviços

Mais notas do blog: Câmara arrecada produtos de higiene em ação contra pobreza menstrual; Patrulha Maria da Penha de Foz visita Medianeira; cidades e mobilidade urbana sustentável; e Anvisa autoriza estudo de nova vacina

No mês de julho, o saldo de empregos formais em Foz do Iguaçu foi de 391 postos, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged), divulgados nesta quinta-feira, 26, pelo Ministério da Economia. Do total de vagas, 267 são do setor de serviços, que inclui turismo, e 80 do comércio.

As cinco cidades do Paraná com melhor saldo em julho são: Curitiba: 4.440; Maringá: 1.009; Londrina: 859; Cascavel: 720; e São José dos Pinhais: 594. A economia paranaense teve como resultado 14.492 empregos, com 123.891 admissões contra 109.399 demissões.

Pobreza menstrual: Câmara de Foz arrecada produtos de higiene

Estima-se que 23% das jovens de 15 a 17 anos não possam adquirir produtos de higiene pessoal durante o ciclo menstrual. Devido a isso, muitas mulheres sofrem e perdem oportunidades de estudar e trabalhar. A Câmara de Vereadores entrou na campanha para arrecadar absorventes, sabonetes e lenços umedecidos. Basta deixar o material no Legislativo, que fica na Travessa Oscar Muxfeldt, 81, centro, ao lado da antiga Caixa Econômica Federal. Assista ao vídeo.

Patrulha Maria da Penha de Foz visita Medianeira

Integrantes da Patrulha Maria da Penha de Foz do Iguaçu visitaram vereadoras e autoridades de Medianeira (PR) e participaram de atividade do Agosto Lilás, ação anual de enfrentamento à violência contra mulheres. Na Câmara da cidade vizinha, as guardas municipais iguaçuenses relataram como é o trabalho para garantir as medidas protetivas a mulheres. Pedido de vereadoras requer que a prefeitura oferte o serviço à população medianeirense.

Cidades e mobilidade urbana sustentável

Curitiba (PR) está entre as cinco cidades brasileiras que terão estudos de pré-viabilidade financiados com recursos não reembolsáveis do Governo da Alemanha. O anúncio feito pelo governo federal refere-se à chamada pública de Projetos de Mobilidade Urbana Sustentável, realizada pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

Anvisa autoriza estudo de nova vacina

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o início de estudo clínico para o desenvolvimento de uma nova vacina contra a covid-19. O projeto é conduzido por um consórcio formado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e pelas empresas HDT Bio Corp, dos Estados Unidos, e Gennova Biopharmaceuticals, da Índia.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Blog da Redação

Blog da Redação é de responsabilidade dos jornalistas do Portal H2FOZ. Veja mais mais conteúdo do autor.

Blog da Redação tem 0 posts e contando. Ver todos os posts de Blog da Redação