Blog pelo Paraná – Apoio RMC, Energia barata e Fundo eleitoral

Coluna da Associação dos Jornais Diários do Interior do Paraná, sábado 17 de setembro de 2022.

Apoie! Siga-nos no Google News

Apoio RMC
Prefeitos da Região Metropolitana de Curitiba manifestam apoio à candidatura do senador Alvaro Dias. Mais de 10 prefeitos foram unânimes em agradecer ao Senador pelo seu trabalho tanto no Senado como quando governador do Estado pelos municípios da Região Metropolitana. Para os prefeitos, Álvaro Dias sempre defendeu os municípios paranaenses, além de, também, manter o diálogo e ouvir as reivindicações dos grandes e pequenos municípios que contribuem para o crescimento e desenvolvimento de Curitiba.

Construindo pontes
O prefeito Rafael Greca (PSD) voltou a destacar a liberação de verbas do senador Álvaro Dias para Curitiba, em especial à área da saúde. Para os prefeitos, Álvaro Dias deve continuar no Senado para ampliar ainda mais os recursos da União aos prefeitos da Região Metropolitana de Curitiba. Dias disse que no próximo mandato ele quer ser um “construtor de pontes’entre Brasília e os municípios paranaenses. Minhas portas sempre estarão abertas a todos vocês para dialogar e defender o nosso Paraná”.

Melhor parlamentar
O senador Oriovisto Guimarães (Podemos) foi escolhido pelo Ranking dos Políticos como melhor parlamentar do Paraná na atual Legislatura. Em ofício ao parlamentar, o diretor-geral do Ranking dos Políticos, Gláucio Dias, disse: “Após minuciosa análise de suas atividades parlamentares realizadas nesses quatro últimos anos, vossa excelência receberá o Prêmio de Melhor Parlamentar do Estado do Paraná na Legislatura 2019 / 2022”. O Ranking dos Políticos se define como “uma iniciativa da sociedade civil que avalia senadores e deputados federais em exercício, classificando-os do melhor para o pior, em índices de 0 a 10, de acordo com os critérios de combate aos privilégios, ao desperdício e à corrupção no poder público”.

Desempenho histórico
O melhor desempenho da história da Coopavel, registrado em 2021, é evidenciado também em um dos mais respeitados estudos econômicos do País. O Anuário Valor Mil, anualmente editado pelo jornal Valor Econômico, acaba de trazer o ranking das mil maiores empresas brasileiras de inúmeros segmentos. A exemplo do que ocorreu no ano anterior, a Coopavel subiu 28 degraus e agora ocupa a posição de número 206 entre as maiores companhias do País.

Melhores do Sul
Em dois anos, a Coopavel melhorou 60 degraus na tabela, uma das melhores performances entre as empresas do mesmo segmento no Paraná. A colocação dela avançou também no ranking das 50 maiores empresas do Sul, passando do número 44 para 42. “Esse avanço reflete o planejamento, a dedicação e a união que fazem da nossa cooperativa um marco de superação, trabalho e bons resultados”, diz o presidente Dilvo Grolli.

Cirurgias eletivas
Candidato à reeleição ao Governo do Paraná Ratinho Junior (PSD) afirmou que pretende “normalizar” a fila de espera por cirurgias eletivas no estado, em cerca de seis ou oito meses. De acordo com dados da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), o Paraná possui cerca de 300 mil cirurgias eletivas, de diversas especialidades, em espera. Durante a pandemia da Covid-19, os procedimentos chegaram a ser suspensos para aliviar o sistema público de saúde diante da grande demanda por leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Com a melhora dos índices da pandemia, este tipo de cirurgia voltou a ser liberado.

Carga contrabandeada
Durante diligências de repressão aos crimes de contrabando e tráfico de drogas, nesta semana, realizadas nas estradas da região de Maringá, equipes da Polícia Federal apreenderam duas carretas carregadas de cigarros de origem paraguaia na cidade de Colorado. Ao vistoriar a carga foi encontrado cerca de duas mil caixas de cigarro oriundos do Paraguai (o equivalente um milhão de maços). Os dois motoristas, de 25 e 39 anos, foram presos em flagrante e responderão pelo crime de contrabando.

Polo universitário
A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), com 52 anos, já projeta como devem ser os próximos anos. Na visão do reitor Miguel Sanches Neto, empossado para o segundo mandato no início do mês, o município tem potencial para se tornar o maior polo industrial-universitário do Sul do Brasil em um futuro próximo. “Para que isso aconteça é preciso uma maior integração entre os cursos universitários e a comunidade, buscando resolver problemas locais. Há que se aproximar mais os nossos currículos das demandas sociais, industriais e pedagógicas da cidade, entendendo cada curso como um braço de uma agência de desenvolvimento social”, analisa.

Energia barata
A conta de energia elétrica fica mais barata a partir desta semana em todo o Paraná. A redução média será de 7,2% e vale para todos os clientes da Copel e das demais companhias que operam no Estado. A informação é do governo do Estado. A redução está sendo possível devido à eliminação da cobrança do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) que incidia em um dos componentes da conta de luz: a Tarifa de Uso do Sistema de Distribuição (TUSD).

No pleito!
O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) determinou que a advogada Rosangela Moro (União Brasil), mulher do candidato e ex-juiz federal Sergio Moro (União Brasil), poderá concorrer à Câmara dos Deputados por São Paulo. O caso teve relatoria do juiz Afonso Celso da Silva. O magistrado considerou que a advogada comprovou seu vínculo com a capital paulista por meio de atividades profissionais. Seu voto foi acompanhado por unanimidade em sessão plenária da corte.

Fundo eleitoral
Candidatos a deputados pelo Partido Liberal, do Paraná, ingressam na justiça cobrando o repasse do fundo eleitoral de forma igualitária. Eles alegam na justiça que, sendo mulheres e negros, têm direito a receber valores entre R$ 20 mil e 50 mil, valores estes que são entregues a candidatos brancos. Afirmam que deputados do PL candidatos à reeleição recebem R$1,5 milhão. Na ação, os candidatos que abriram a litigância pedem à justiça o bloqueio de R$ 2 milhões da conta do PL, até que a norma do TSE seja seguida no Paraná. O PL não se pronunciou sobre o assunto.

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.