Lotes da vacina britânica Oxford-Astrazeneca foram aplicados após o vencimento. Foto: Rovena Rosa/ABr

Brasileiros tomaram vacina contra covid-19 vencida, diz jornal; Prefeitura de Foz nega

Matéria Atualizada às 17h18

De acordo com a Prefeitura de Foz do Iguaçu, as doses vencidas não chegaram a ser aplicadas (confira a nota na íntegra).

Pelo menos 26 mil doses vencidas da vacina Oxford/AstraZeneca foram aplicadas em diversos postos de saúde do Brasil. Deste total, 129 foram parar em braços de moradores de Foz do Iguaçu, conforme dados do Ministério da Saúde, levantados pelo jornal Folha de S.Paulo.

O lote pode ser conferido na carteira individual de vacinação. Os imunizantes expirados integram oito lotes importados ou adquiridos por consórcio. Um deles passou da validade no dia 29 de março. O que venceu há menos tempo estava válido até 4 de junho.

Conforme o jornal, de acordo com o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra Covid-19, quem tomou imunizante vencido precisa se revacinar pelo menos 28 dias depois de ter recebido a dose administrada equivocadamente. Na prática, é como se a pessoa não tivesse se vacinado.

Confira a lista:

Em nota à Folha de São Paulo, o Ministério da Saúde informou “que acompanha rigorosamente todos os prazos de validade das vacinas Covid-19 recebidas e distribuídas” e que “as doses entregues para as centrais estaduais devem ser imediatamente enviadas aos municípios pelas gestões estaduais. Cabe aos gestores locais do SUS o armazenamento correto, acompanhamento da validade dos frascos e aplicação das doses, seguindo à risca as orientações do Ministério.”

Vacy Junior - H2FOZ

Vacy Alvaro é repórter e coordenador dos infográficos do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Vacy Junior - H2FOZ tem 53 posts e contando. Ver todos os posts de Vacy Junior - H2FOZ