‘Mercado nervoso’ faz dólar fechar acima dos R$ 5, valor mais alto desde maio

Na cotação oficial, moeda atingiu R$ 5,11 – Foto: Valter Campanato/ABr

Em Foz do Iguaçu, moeda foi vendida a R$ 5,30 em casas de câmbio.

O dólar voltou a ultrapassar o patamar de R$ 5 na cotação oficial, nessa segunda-feira, 13. No valor mais alto desde o dia 12 de maio, a moeda estrangeira fechou, no comercial, em R$ 5,115 – alta de 2,54%.

O aumento é atribuído à inconstância do mercado financeiro internacional com a expectativa dos juros dos Estados Unidos. Esse contexto também fez a bolsa de valores recuar ao menor nível desde janeiro deste ano.

Em casas de câmbio de Foz do Iguaçu, a moeda estrangeira foi comercializada a R$ 4,97 na compra e R$ 5,27 na venda. Alguns estabelecimentos estabeleceram os valores de R$ 5 e R$ 5,20 na compra e venda do dólar.

Nesta quarta-feira, o Federal Reserve (Fed), o Banco Central estadunidense, reúne-se para decidir os juros básicos no país. A inflação está no maior nível em 40 anos, por isso investidores veem risco de elevação da taxa em 0,75 ponto percentual, explica a Agência Brasil (ABr).

“A divisa acumula alta de 7,6% em junho, tendo subido 7% somente nos últimos seis pregões”, informa a ABr sobre a evolução da cotação. “Em 2022, o dólar cai 8,27%”, completa.

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

-->