No domingo, brasiguaios vão às urnas escolher o presidente

Cerca de 4.600 eleitores fizeram cadastro no Consulado de Ciudad del Este para votar. Aqueles que também têm domicílio eleitoral no Brasil vão cruzar a Ponte da Amizade para votar deste lado da fronteira

Apoie! Siga-nos no Google News

Cerca de 4.600 eleitores fizeram cadastro no Consulado de Ciudad del Este para votar. Já aqueles que têm domicílio eleitoral no Brasil vão cruzar a Ponte da Amizade para votar deste lado da fronteira.

Cerca de 4.600 brasileiros residentes na região de Ciudad del Este, Paraguai, vão às urnas neste domingo, 2. A votação será feita no Consulado Geral do Brasil em Ciudad del Este. Os eleitores só poderão depositar o voto para presidente, conforme a legislação eleitoral brasileira.

Acesse também:
Já preparou a colinha? Confira nome e número de todos os candidatos do Paraná

O direito de votar na repartição consular poderá ser exercido por brasileiros que se cadastraram anteriormente. Para isso, é preciso comprovar residência no Paraguai e morar em uma cidade que esteja na jurisdição do consulado de Ciudad del Este, que está sob responsabilidade do cônsul-geral Pedro Menezes.

Também conhecidos por brasiguaios, brasileiros residentes no Paraguai, os eleitores poderão votar entre às 8h e às 17h, o mesmo horário do Brasil. A coincidência se deve ao início do horário de verão no Paraguai, que começa justamente neste domingo. Estarão disponíveis sete urnas distribuídas em 14 seções.

Cônsul-adjunto, Bruno Rodrigues explica que, para votar, os eleitores precisam levar algum documento com foto que comprove a nacionalidade brasileira. Para quem quiser justificar o voto, recomenda-se baixar no celular o e-Título.

Após o encerramento da votação, os dados das urnas eletrônicas serão encaminhados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.

Além do consulado de Ciudad del Este, os brasileiros poderão votar na Embaixada do Brasil de Assunção e nos consulados de Assunção, Pedro Juan Caballero e Salto del Guairá, e nos vice-consulados de Concepción e Encarnación.

Votação em Foz

Os brasiguaios que têm título no Brasil e duplo domicílio, ou seja, residência nos dois países, costumam cruzar a fronteira em anos de eleições para votar em Foz do Iguaçu. Nesse caso, eles podem votar na lista completa de candidatos.

A fiscalização na fronteira será intensa no domingo para coibir o transporte irregular de eleitores do Paraguai ao Brasil, que costuma ocorrer no período eleitoral. Algumas famílias dão grande importância ao ato cívico das eleições, por isso não deixam de priorizar o voto.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.