Iguaçuense Pepê ainda não entrou em campo na Copa América

O jogador ainda não teve a oportunidade de ajudar a seleção brasileira na competição.

Apoie! Siga-nos no Google News

O Brasil empatou com a Colômbia por 1 a 1 nessa terça-feira (2) pela Copa América e, com isso, classificou-se na segunda colocação do Grupo D para as quartas de final da competição. O adversário será o Uruguai, neste sábado (6). Mais uma vez, o iguaçuense Pepê esteve no banco de reservas e não entrou em campo.

Em nenhuma das três partidas da Copa América, Pepê – que é jogador do Porto, de Portugal – foi acionado pelo técnico Dorival Júnior. Nas sete partidas disputadas pela seleção em 2024, Pepê atuou apenas 29 minutos na derrota do Brasil para o México por 3 a 2 em amistoso realizado no dia 8 de junho.

Pepê esteve presente nas duas convocações do atual técnico, mas em ambas foi chamado de última hora. Em março, nos amistosos contra a Inglaterra e a Espanha, ele entrou na lista após o corte de Casemiro. Agora, para os amistosos e a disputa da Copa América, o jogador foi incluído somente quando a Conmebol autorizou a inscrição de mais três atletas no torneio continental.

Em novembro do ano passado, quando o time era comandado pelo técnico Fernando Diniz, a estreia de Pepê “dentro de campo” pela seleção principal foi logo em sua primeira convocação, na partida contra a Colômbia, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026.

Naquela ocasião, o iguaçuense entrou aos 36 minutos do segundo tempo e, nos 15 minutos em que permaneceu no gramado (o jogo teve seis de acréscimo), dividiu o tempo entre a cobertura da lateral e a criação de jogadas no ataque. Aos 44, recebeu cartão amarelo por uma falta cometida no bico da área brasileira. Na análise do site Globo Esporte, teve nota 5.5, maior que a de Renan Lodi (4.5), quem ele substituiu.

Pepê já foi destaque nas categorias de base da seleção. Em 2020, foi o artilheiro do torneio pré-olímpico, ao marcar três gols. Apesar do bom desempenho, o jogador não fez parte do time que conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2021.

LEIA TAMBÉM
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.