Mais dois ônibus com quase meio milhão em mercadorias são retidos na BR-277

Ônibus e mercadorias foram levados para a Receita, mas ninguém foi preso - Foto: Divulgação

Ação foi realizada em conjunto pela Receita Federal e BPFron, na rodovia que conecta Foz do Iguaçu, na fronteira.

Forças de segurança e fiscalização não dão trégua ao transporte de mercadorias trazidas do Paraguai sem comprovação da importação na BR-277. Nesse sábado, 23, mais dois ônibus foram retidos com produtos suspeitos de descaminho, na cidade vizinha de Santa Terezinha de Itaipu (PR).

A ação foi em conjunto, realizada pela Receita Federal do Brasil (RFB) e o Batalhão de Fronteiras (BPFron) da Polícia Militar do Paraná. Logo no início da tarde, no posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na rodovia, os dois coletivos com placas do Rio Grande do Sul foram parados pelos agentes e vistoriados.

Eles “estavam lotados de mercadorias com suspeita de descaminho, sem notas fiscais ou outro documento comprovatório de regularidade fiscal”, afirmou a assessoria da Receita Federal. Os produtos foram avaliados em R$ 450 mil. Os ônibus acabaram retidos, mas ninguém foi preso, entretanto os acusados deverão passar por representações fiscais do Ministério Público.

Segundo a RFB, a abordagem integrou o Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF). Essa iniciativa preconiza a atuação integrada das forças de segurança e fiscalização com ênfase no combate da crimes e ilícitos na região de fronteira.

Há dez dias, no fim de semana que começou em 15 de outubro, foram apreendidos oito ônibus na região, com R$ 2,2 milhões em mercadorias. As operações contaram com RFB, PRF, BPFron e Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Paulo Bogler - H2FOZ tem 1465 posts e contando. Ver todos os posts de Paulo Bogler - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.