Polícia Federal em Foz vai às ruas contra o tráfico internacional de drogas

É a terceira operação da PF contra o tráfico em cerca de dez dias - Foto: Divulgaçaõ

Foram feitas prisões e apreensão de dinheiro, celulares e um veículo; grupo enviava drogas da fronteira para outros estados. É a terceira operação da PF contra o tráfico em dezembro.

A Polícia Federal (PF) foi às ruas na manhã desta terça-feira, 14, a fim de desarticular um grupo investigado pelo crime de tráfico internacional de drogas. Os suspeitos, segundo a investigação, atuam nas cidades de Foz do Iguaçu e Toledo, enviando drogas desde a fronteira com o Paraguai para outros estados.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Foi a terceira operação realizada pelos policiais federais em Foz do Iguaçu, neste mês de dezembro, em cerca de dez dias, para combater e desarticular o tráfico de drogas. Saiba sobre as ações anteriores:

PF cumpre mandados em Foz contra tráfico internacional de drogas e de armas

‘Falsos Fondos’: PF faz nova operação em Foz contra o tráfico de drogas

Denominada de “Blue Tuesday”, a operação reúne dez policiais federais para a execução de duas ordens de busca e apreensão e outras três de prisão preventiva. Por volta das 9h, duas pessoas foram detidas e houve apreensão de dinheiro, celulares e um veículo utilizado para o transporte de ilícitos.

A investigação da PF teve início há cerca de seis meses. Nesse período, foram identificados suspeitos dos crimes que recebiam substâncias como cafeína e clobenzorex na fronteira, e faziam o transporte para outros estados em carros e caminhões. O produto era enviado de forma oculta, para escapar da fiscalização.

Dinheiro e aparelhos celulares apreendidos – Foto: Divulgação

Cafeína e clobenzorex são de uso e comércio controlado no Brasil. “Ambas substâncias são comumente utilizadas para elaboração da droga conhecida popularmente como ‘ecstasy’ ou ‘ecstasy paraguaio’”, informou a assessoria da Polícia Federal. A partir de uma apreensão de 135 quilos desses produtos, em junho, os policiais realizaram outras diligências.

Conforme a PF, foram “colhidos elementos de informação que possibilitaram a identificação da associação criminosa que, conforme apurado, já estava atuando neste transporte ilícito há pelo menos um ano”. No contexto da operação, também foram expedidos mandados em cidades dos estados da Bahia e Goiás.

O nome da operação “Blue Tuesday” remete à sensação de depressão após o uso de ecstasy. Os investigados, de acordo com a PF, serão indiciados pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico internacional de drogas.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.