Puerto Iguazú reúne grandes nomes do chamamé em show on-line neste sábado

O músico Chango Spasiuk integra a programação do festival - Foto: Yonathan Adamchuk/Facebook Chango Spasiuk

Músicos da Argentina, Brasil e Paraguai transpõem as fronteiras por meio da cultura. Veja como assistir. 

A cidade vizinha Puerto Iguazú reúne ícones da música fronteiriça no 1º Festival Internacional de Chamamé das Três Fronteiras, neste sábado, 12, a partir das 20h30. Seguindo medidas de prevenção à covid-19, o evento será on-line, podendo ser acompanhado em cultura.misiones.gob.ar.

O encontro virtual contará com músicos da Argentina, Brasil e Paraguai. Além de promover e reverenciar o chamamé, gênero transfronteiriço, o show é uma forma de romper limites geográficos dos três países irmãos, já que as fronteiras estão parcialmente fechadas por conta da pandemia.

A programação conta com os seguintes artistas:

Brasil: Jorge Guedes & Família (Rio Grande do Sul);

Argentina: Chango Spasiuk, Los Nuñez e Paola Leguizamón (Misiones); e Los de Imaguaré, Antonio Tarragó Ros e o coletivo de mulheres Chamamé Kuñá (Corrientes); e

Paraguai: Myrian Beatriz (Asunción).

Para o festival internacional de chamamé, um cenário foi montado no Marco das Três Fronteiras, mas sem público. Conforme a Secretaria de Cultura de Misiones, unidade administrativa que abrange Puerto Iguazú, mais de 40 emissoras de rádio da rede da Rádio Nacional argentina transmitirão o evento, além de portais e tevês.

“Enquanto as fronteiras se fecham por motivos de saúde, graças à música podemos romper esses limites geográficos.”

“Falar do chamamé das Três Fronteiras em um momento de pandemia tem especial relevância”, informou a secretaria, por comunicado. “Enquanto as fronteiras se fecham por motivos de saúde, graças à música podemos romper esses limites geográficos e continuar a compartilhar com nossos irmãos brasileiros e paraguaios, que também sentem essa música como sua”, completou.

No ano passado, a Unesco, órgão das Nações Unidas, declarou o chamamé argentino como sendo patrimônio cultural imaterial da humanidade.

Arte: Divulgação
Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Paulo Bogler - H2FOZ tem 1361 posts e contando. Ver todos os posts de Paulo Bogler - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.