H2FOZ | Notícias | Foz do Iguaçu
  1. Home
  2. Planeta Foz

Solução pra "avenida do astronauta" depende de decisão judicial

Solução pra
Chico, na rádio, e as crateras da Olímpio Rafain. "Perto da solução", garantiu.

H2FOZ

O prefeito Chico Brasileiro disse no sábado, durante o programa Foz em Ação, transmitido pela Rádio Cultura, que o caso da Avenida Olímpio Rafain, já apelidada de "avenida do astronauta" por causa das crateras, pode ter uma solução em breve. Mas tudo vai depender de decisão judicial.

A avenida é uma das que tiveram as obras paralisadas pela Operação Pecúlio, por causa das suspeitas de superfaturamento na gestão de Reni Pereira.

Quando assumiram, Chico e o vice-prefeito Nilton Bobato buscaram fazer acordos com as empresas para retomarem as obras embargadas. Assim como aconteceu com outras avenidas, para a Olímpio Rafain também foi feito um Termo de Ajuste de Conduta (TAC), no Ministério Público, entre a Prefeitura e a empresa responsável.

O problema, como esclareceu Chico Brasileiro, é que as obras deveriam ter sido concluídas em janeiro, pra ficar dentro do prazo previsto no TAC. Como isso não aconteceu, a empresa decidiu pedir reajuste no contrato.

No mesmo programa da rádio, o vice-prefeito disse que "o valor que a empresa pede é muito superior ao que a Prefeitura entende ser justo", por isso não houve acordo.

O caso está na Justiça, que paralisou a obra até se chegar a uma decisão. Mas e por que a Prefeitura não faz uma operação tapa-buraco, enquanto a decisão não sai?

Segundo o prefeito, pra isso é preciso que a Justiça autorize. Ele informou que a Prefeitura encaminhou um requerimento nesse sentido ao juiz responsável pelo caso, mas ainda não houve resposta.

Chico Brasileiro concluiu dizendo que o caso da avenida "está próximo da solução". 

A matéria sobre as crateras na avenida, ilustrada por esta montagem, ficou entre as mais lidas da semana.