Blog pelo Paraná – Mínimo regional, Fundo eleitoral e Faturamento recorde

O senador Oriovisto Guimarães (Podemos) está em evidência no Ranking Político Nacional 2021. Foto: Waldemar Barreto

Em evidência
O senador Oriovisto Guimarães (Podemos), em seu primeiro mandato, está em evidência no Ranking Político Nacional 2021. Oriovisto ocupa o 6º lugar no ranking dos melhores deputados e senadores do ano. Os discursos, intervenções, intolerância à corrupção, e análises sobre a economia do país e, discussão sobre os problemas do Congresso Nacional, bem posicionaram o senador paranaense.

Mínimo regional
O Governador Ratinho Júnior (PSD) sancionou o decreto que fixa o novo valor do salário mínimo regional. Maior piso regional do País, o reajuste neste ano é de 10,16%, o que equivale a 100% do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Os salários variam de R$ 1.617 a R$ 1.870, dependendo da categoria profissional.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Fundo eleitoral
A Faciap  (Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado do Paraná) cumprimenta todos deputados federais e senadores paranaenses que votaram contra o reajuste do fundo eleitoral, que resultou no total de R$ 4,9 bilhões incluídos na Lei de Diretrizes Orçamentárias 2022 sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Prioridades
A Faciap entende que ao votar contra o aumento de 335% do Fundo Eleitoral esses parlamentares cumpriram com o seu dever de definir o que é prioridade para a população brasileira e para o setor produtivo, neste momento de instabilidade econômica e crise sanitária causada pela pandemia de Covid-19.

Bom trabalho!
O deputado federal e líder no governo federal Ricardo Barros (PP) foi homenageado nesta segunda-feira (31) por dezenas de prefeitos, vice-prefeitos e lideranças de todas as regiões do Estado. O evento no Palácio Garibaldi, em Curitiba, marca o início do ano eleitoral no Paraná. Barros recebeu uma placa de agradecimento pelo trabalho prestado aos municípios paranaenses.

Saldo positivo
Balanço do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), referente ao ano de 2021, comprova que no Paraná, a geração de emprego é consistente em todas as regiões. Ao todo 367 cidades terminaram o ano com saldo positivo na abertura de novas vagas, o que representa 91% dos municípios paranaenses. Apenas 30 cidades registraram perdas no mercado de trabalho. O resultado é 172 mil novas vagas no Estado, melhor resultado do ano entre os Estados do Sul.

Indústria do PR
A indústria do Paraná fechou o ano de 2021 com saldo positivo de 44.183 novos empregos formais gerados, com  destaque para a produção de alimentos, confecções e artigos do vestuário e madeira. O Paraná foi o quarto Estado no país que mais abriu vagas no setor industrial, ficando atrás apenas de São Paulo (112.821), Minas Gerais (65.587) e Santa Catarina (53.516). O Paraná representou 9,3% do total de vagas abertas pela indústria nacional.

Qualificação
Para o secretário de Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, o excelente saldo positivo do acumulado no ano é resultado da política de atração de novas empresas e da qualificação dos trabalhadores paranaenses. “O Governo do Estado tem se dedicado a atrair novas empresas. Nós estamos qualificando os trabalhadores. Nossas Agências do Trabalhador estão a todo vapor. Criamos Postos Avançados. É o melhor resultado desde 2004. Consolidamos parcerias com as empresas e realizou-se uma busca ativa por intermediação de vagas”, conta Ney.

Faturamento recorde
A Copacol fechou o ano de 2021 com o maior crescimento na arrecadação dos últimos cinco anos. Com um faturamento de R$ 7,9 bilhões, o montante é, além de recorde, 38% maior do que o do ano passado. Entre os fatores que contribuíram para o resultado está a exportação, que levou os produtos Copacol a 76 países e arrecadou US$ 476,2 milhões, aumento de 16,6%.

Fraquinha não!
O deputado estadual Michele Caputo (PSDB) gravou um vídeo nas redes sociais para alertar a população paranaense sobre a importância da vacinação contra a Covid-19, em meio a maior propagação do vírus pela variante Ômicron. “A variante Omicron não é fraquinha e o poder de contágio dela é muito grande. Felizmente, graças às coberturas vacinais, temos um pacto com relação à mortalidade menor”, disse o deputado no vídeo.

Federações
O STF deve analisar nesta quinta-feira (3), a constitucionalidade das federações partidárias. Aprovado pela Câmara em 2021, o modelo foi questionado na Corte pelo PTB. Na opinião do advogado eleitoral Roosevelt Arraes, do escritório Arraes & Carboni, o STF, por maioria, deve declarar a constitucionalidade da lei. “As federações preservam o pluralismo político e um maior entendimento entre os partidos, que deixaram de atuar de maneira fragmentária, ante a criação da federação.

Pequenos partidos
Os maiores interessados são os pequenos partidos, que devem federar. Estão em negociação para formar federações o PV e PCdoB com o PT, o Cidadania com o PSDB e o Avante e o Solidariedade com o MDB. “Essa é uma forma de fortalecer partidos menores com o mesmo alinhamento ideológico, possibilitando o acesso ao fundo partidário e ao tempo de propaganda eleitoral em rádio e TV”, ressalta o Roosevelt.

No Paraná
A depender da formação das coligações, a eleição no Paraná deve ser impactada, já que a federação vale também para os estados. Um exemplo é o PSB, que pode formar federação com o PT. No plano estadual os socialistas apoiam o governador Ratinho Júnior. Já o PT deve lançar a candidatura de Roberto Requião.  

Marqueteiro de campanha
Sérgio Moro, pré-candidato à Presidência pelo Podemos,  escolheu o publicitário argentino Pablo Nobel para comandar a equipe de marketing de sua campanha. Nobel começou já iniciou o trabalho com o ex-ministro da Justiça e ex-juiz da Lava Jato. O publicitário integra a equipe da agência AM4, que trabalhou para a campanha do presidente Jair Bolsonaro (PL), em 2018.

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Associação dos Diários do Interior – PR

A coluna “Pelo Paraná” é de responsabilidade da ADI-PR (Associação dos Jornais Diários do Interior do Paraná) Veja mais mais conteúdo do autor.