Jornada Negra da Unioeste reúne professores, escritores e artistas

H2FOZ – Denise Paro

Uma rica e extensa programação de palestras, minicursos e debates está sendo realizada pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) até 11 de dezembro. É a Jornada Negra da Unioeste, que tem a proposta de compartilhar conhecimento e reflexão sobre a contribuição africana e ameríndia às línguas, literatura, arte e tradução na América Latina. 

Realizado em ambiente virtual, o evento foi aberto dia 26 de outubro e segue até dezembro. Nessa edição, o homenageado nas jornadas é o escritor afro-colombiano Manuel Zapata Olivella, autor de Changó el Gran Putas (1983), cujo centenário de nascimento é celebrado neste ano.

As atividades, que também incluem intervenções artísticas e culturais, são realizadas de segunda a sexta por professores, escritores e artistas de inúmeras universidades brasileiras e do exterior, com destaque para os colombianos. 

Entre as apresentações artísticas, está prevista a do grupo Maracatu, diretamente do gramadão da Unioeste-Foz, programada para 13 de novembro, e do grupo Afoxé. 

O evento é gratuito, e inscrições podem ser feitas neste site: 
https://www.e-inscricao.com/ensinoeextensaoletras/jornadasnegras?fbclid=IwAR1s0GKq-DYDC__EKDnw-QAyIDLCbsEwm7bkmtRYsfZIHaDfR-YG-lZ9j1k.

 
 

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.