Avenida na rota da Ponte da Integração será ampliada no Paraguai

Governo do país confirmou investimento de US$ 10 milhões para intervenções na Avenida Monday, em Presidente Franco.

Apoie! Siga-nos no Google News

O Ministério de Obras Públicas e Comunicações (MOPC), do Paraguai, confirmou ao prefeito do município de Presidente Franco, Roque Godoy, que investirá US$ 10 milhões (R$ 51 milhões) para a ampliação da capacidade da Avenida Monday, localizada no corredor de acesso à Ponte da Integração Brasil–Paraguai.

Leia também:
Ponte da Integração ganha sistema de inspeção e monitoramento

A obra, que consistirá no alargamento da via entre os quilômetros 4 e 9, além da instalação de pavimento mais resistente para suportar a passagem de caminhões, era reivindicada pelo poder público e por moradores do entorno, uma vez que a avenida não foi contemplada no pacote inicial do Corredor Metropolitano del Este.

De acordo com o jornal ABC Color, os recursos necessários para a intervenção virão de um crédito concedido pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina, da Corporação Andina de Fomento (CAF). O projeto básico já está concluído, com previsão de lançamento da licitação ainda em 2023.

Desenhado para facilitar o acesso à Ponte da Integração e remover o tráfego de caminhões das áreas urbanas, o Corredor Metropolitano del Este consiste em mais de 30 quilômetros de estradas, pontes e avenidas nos municípios de Presidente Franco, Ciudad del Este, Hernandarias, Los Cedrales e Minga Guazú.

O estágio mais avançado, com cerca de 50% de execução segundo o MOPC, é o do entorno da cabeceira paraguaia da ponte, em pontos como a futura aduana, a Avenida Bernardino Caballero e o futuro pátio de fiscalização de cargas. Outras etapas, porém, serão entregues somente ao longo dos anos de 2024 e 2025.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.