Aviador que morreu nas Malvinas é homenageado com placa em Puerto Iguazú

Carlos Eduardo Krause em visita às Cataratas do Iguaçu. Imagem: acervo familiar
Siga a gente no

Major Carlos Eduardo Krause, nascido na província de Misiones, faleceu em combate em 1º de junho de 1982.

Autoridades civis e militares argentinas participaram, nessa quarta-feira (1º), de um ato em recordação aos 40 anos da morte do major Carlos Eduardo Krause, ocorrida em combate durante a Guerra das Malvinas. A cerimônia foi no aeroporto de Puerto Iguazú, cujo nome oficial homenageia, não por acaso, o aviador falecido em 1º de junho de 1982.

O ato, que teve o descerramento de uma placa encomendada pela concessionária Aeropuertos Argentina 2000, contou com a presença de María Dolores Krause, irmã do piloto. Nascido em Oberá (Misiones) no ano de 1948, Carlos Eduardo tinha 34 anos e ampla experiência de voo. Deixou esposa e quatro filhos.

Placa descerrada nessa quarta-feira. Imagem: Municipalidad de Puerto Iguazú

Em 1982, o militar integrava o esquadrão que operava os aviões Hércules C-130, utilizados para o transporte de tropas e cargas. A aeronave na qual estava como copiloto foi abatida por mísseis disparados por caças britânicos a nordeste das Ilhas Malvinas. Todos os outros seis tripulantes também faleceram no ataque.

Em sua memória, o principal aeroporto da província de Misiones, em Puerto Iguazú, tem dupla nomenclatura: “Aeropuerto Internacional de Puerto Iguazú Mayor D. Carlos Eduardo Krause” e “Aeropuerto Internacional Cataratas del Iguazú”.

A Guerra das Malvinas, na qual a Argentina tentou assumir a soberania territorial do arquipélago no Atlântico Sul, teve início em 2 de abril de 1982 e terminou em 14 de junho do mesmo ano, com vitória do Reino Unido. O conflito resultou na morte de 649 militares argentinos, 255 britânicos e três civis moradores das ilhas.

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Guilherme Wojciechowski - H2FOZ

Guilherme Wojciechowski é repórter colaborador do H2FOZ. E-mail: [email protected] - Veja mais mais conteúdo do autor.

-->