Nobel da Paz participa de Fórum Social da Tríplice Fronteira neste sábado

Adolfo Pérez Esquivel, Nobel da Paz em 1980. (Imagem: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil)

Prêmio Nobel da Paz no ano de 1980, o ativista argentino Adolfo Pérez Esquivel é o convidado central do IV Fórum Social e Popular da Tríplice Fronteira, que acontece neste sábado (17), com transmissão ao vivo pela internet. (Imagem: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil)

O evento, organizado por mais de 40 entidades e movimentos sociais do Brasil, Paraguai e Argentina, tem início às 17h (hora brasileira). O tema principal é o debate sobre as garantias dos direitos humanos nos três países que formam a região.

No YouTube, o canal TV CDHMP, do Centro de Direitos Humanos e Memória Popular de Foz do Iguaçu, fará a cobertura completa do fórum. No Facebook, a transmissão será na página Foro Social y Popular de la Triple Frontera.

Adolfo Pérez Esquivel tem 89 anos e é um dos nomes históricos da defesa dos direitos humanos na América Latina. O ativista é o idealizador da Fundação Serviço, Paz e Justiça, que apoia projetos em vários países.

Nos anos de 1977 e 1978, Esquivel esteve preso na Argentina por ordem do ditador Jorge Rafael Videla. Após receber o Nobel da Paz em 1980, foi nomeado membro do Comitê Executivo da Assembleia Permanente das Nações Unidas sobre Direitos Humanos.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Guilherme Wojciechowski - H2FOZ

Guilherme Wojciechowski é repórter colaborador do H2FOZ. E-mail: [email protected] - Veja mais mais conteúdo do autor.

Guilherme Wojciechowski - H2FOZ tem 126 posts e contando. Ver todos os posts de Guilherme Wojciechowski - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.