Paraguai manda fechar curso de Medicina em universidade da fronteira

Campus da Universidade Privada María Serrana em Ciudad del Este. Imagem: Divulgação.

O Conselho Nacional de Educação Superior (Cones), do Paraguai, determinou, no último dia 31, o fechamento do curso de Medicina da Universidade Privada María Serrana, que possui turmas em Assunção e Ciudad del Este. A instituição tem alunos brasileiros, em especial no campus localizado na capital do Alto Paraná.

De acordo com o jornal La Nación, a decisão do Cones foi tomada após denúncias de inconsistências na emissão de 11 diplomas e de problemas em 53 convalidações de estudantes transferidos de instituições do Brasil e do próprio Paraguai, que teriam saltado do primeiro para o terceiro ano do curso. A universidade nega as irregularidades.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Leia também: Universidade María Serrana reinicia aulas de Medicina em Ciudad del Este.

A respeito, o vice-ministro de Atenção Integral à Saúde, Hernán Martínez, avaliou que é preciso investigar o caso com profundidade. “Só o que queremos é que as faculdades de Medicina estejam credenciadas e sob o amparo das regras que uma escola formadora precisa ter”, disse Martínez, em entrevista à rádio 780 AM.

Nessa segunda-feira (4), acadêmicos paraguaios e brasileiros protestaram em frente à sede do Cones em Assunção, reivindicando a retomada das atividades ou a adoção de soluções para que estudantes em situação regular não sejam prejudicados.

Guillermo Duarte Cacavelos, representante legal da Universidade Privada María Serrana, declarou à rádio La Unión que foi a própria instituição que detectou falhas na documentação e procurou o órgão regulador. Um pedido de reconsideração foi protocolado no Cones. Uma nota oficial foi emitida à comunidade.

“Negamos enfática e categoricamente que tenham sido emitidos certificados sem cursar as matérias e aulas práticas correspondentes”, afirma a María Serrana, em comunicado publicado em suas redes. “A universidade acionará todas as instâncias judiciais correspondentes contra essa arbitrária decisão, para limpar o bom nome e a imagem que neste momento encontra-se manchada por informações mal-intencionadas.”

Cópia do comunicado emitido pela Universidade Privada María Serrana.

Criada em 2009, a Universidade Privada María Serrana é parte de um grupo educacional surgido no ano 2000 e que controla, também, o Colégio María Serrana, de Assunção. O campus de Ciudad del Este está localizado nas imediações do km 3,5 da Rodovia Internacional. Há ainda uma filial em Vallemí, departamento (estado) de Concepción.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Guilherme Wojciechowski - H2FOZ

Guilherme Wojciechowski é repórter colaborador do H2FOZ. E-mail: [email protected] - Veja mais mais conteúdo do autor.