Ladrões roubam avião monomotor em fazenda no Paraguai

Crime ocorreu em San Alberto, município da região do lago de Itaipu; piloto foi abordado pelos bandidos momentos após o pouso.

Apoie! Siga-nos no Google News

Ladrões armados roubaram, no início da tarde dessa quinta-feira (1.º), uma aeronave do tipo Cessna 172 Skyhawk, que pousou em uma pista rural no município paraguaio de San Alberto, região do lago de Itaipu.

Leia também:
Loja de eletrônicos é assaltada na área central de Ciudad del Este

De acordo com os jornais ABC Color e Última Hora, o monomotor, com matrícula ZP-TNJ, foi contratado para um serviço de táxi aéreo até a Estância Teixeira, de propriedade de um cidadão de nacionalidade brasileira.

Momentos após o pouso, o piloto Mario Daniel Miranda Duarte, de 43 anos, e um brasileiro de 49, responsável pelo estabelecimento, foram rendidos por quatro indivíduos portando armas de fogo, sendo três homens e uma mulher.



Conforme o relato, Duarte e o encarregado ficaram presos em um banheiro, enquanto os ladrões decolavam em direção ao norte. O paradeiro do avião segue desconhecido até o início da tarde desta sexta-feira (2).

O caso foi comunicado pela Polícia Nacional do Paraguai às autoridades do Brasil e da Bolívia, tendo em vista que aeronaves de pequeno porte, roubadas no Paraguai, costumam ser utilizadas na logística do tráfico de cocaína na América do Sul.

Monomotores pertencentes a agricultores brasileiros e de outras nacionalidades estão entre os alvos preferenciais dos bandidos, devido à escassa presença policial no entorno das pistas localizadas nas fazendas da Região Leste do Paraguai.

LEIA TAMBÉM