Operação Independência: 62 motoristas embriagados e 466 ultrapassagens irregulares nas rodovias do Paraná 

H2FOZ – Paulo Bogler

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apresentou o balanço da fiscalização nas rodovias do Paraná durante a Operação Independência, encerrada às 23h59 dessa terça, 8. Foram cinco dias de abordagens e monitoramento nas estradas do estado. 

Foram fiscalizadas 12.116 pessoas e 14.632 veículos. Os agentes anotaram 2.994 infrações, 240 veículos foram recolhidos aos pátios por diversas irregularidades, e 13 foram recuperados. No Paraná, são cerca de quatro mil quilômetros de rodovias federais.

O balanço da operação dos policiais rodoviários federais inclui:

– 62 motoristas foram flagrados dirigindo embriagados;

– 196 condutores ou passageiros estavam sem cinto de segurança; e

– em 23 ocasiões, crianças não utilizavam adequadamente um dispositivo de retenção, como a cadeirinha.

Durante a fiscalização no feriado prolongado, foram registradas 466 ultrapassagens irregulares, o que representa quase quatro flagrantes por hora de operação. “Esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal”, informou a assessoria da PRF. 

Nessas circunstâncias, prossegue a Polícia Rodoviária Federal, “o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem ou força a ultrapassagem, colidindo frontalmente com o veículo que está trafegando no sentido contrário”.

Nas rodovias federais que cortam o Paraná, de sexta a terça, a Operação Independência também registrou:

– 151 acidentes;
– 156 pessoas feridas;
– 15 mortes; e
– 1,3 tonelada de maconha apreendida.

Em 2019, segundo a assessoria da PRF, o feriado da Independência do Brasil foi em um sábado. Por isso, não houve operação. Os dados divulgados neste ano são preliminares e podem sofrer alterações.

(Com informações da Agência PRF)

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.