Polícia Federal lança edital com 1.500 vagas e salário a partir de R$ 12,5 mil; prova será em março

Inscrições, somente pela internet, começarão no dia 22 de janeiro. Acesse o edital.

A Polícia Federal publicou nesta sexta-feira, 15, no Diário Oficial da União (DOU), o edital para a contratação de 1,5 mil servidores para a instituição. As remunerações vão de R$ 12,5 mil a R$ 23,7 mil, e as provas da seleção estão programadas para 21 de março.

Clique para acessar o edital completo, no DOU.

As inscrições para o concurso iniciarão na próxima sexta-feira, 22, e terminarão no dia 9 de fevereiro, exclusivamente no site do Cebraspe, responsável pelo processo, em http://www.cebraspe.org.br/concursos/pf_21. As taxas vão de R$ 180 a R$ 250, dependendo da função pretendida pelo candidato.

As vagas e salários são os seguintes (*):

Delegado – salário de R$ 23.692,74
91 vagas para ampla concorrência
25 vagas reservadas a candidatos negros
7 vagas reservadas a candidatos com deficiência

Agente – salário de R$ 12.522,50
669 vagas para ampla concorrência
179 vagas reservadas a candidatos negros
45 vagas reservadas a candidatos com deficiência

Escrivão – salário de R$ 12.522,50
300 vagas para ampla concorrência
80 vagas reservadas a candidatos negros
20 vagas reservadas a candidatos com deficiência

Papiloscopista – salário de R$ 12.522,50
62 vagas para ampla concorrência
17 vagas reservadas a candidatos negros
5 vagas reservadas a candidatos com deficiência

* Remunerações iniciais

Provas

Segundo o edital, a primeira etapa do concurso público será para a admissão dos candidatos à matrícula no Curso de Formação Profissional e abrangerá as seguintes fases: provas objetiva e discursiva; exame de aptidão física; avaliação médica; prova oral; prova prática de digitação, para o cargo de escrivão; avaliação de títulos; e primeira avaliação psicológica.

A segunda etapa do concurso público consistirá no Curso de Formação Profissional. Será eliminatória e realizada pela Academia Nacional de Polícia, no Distrito Federal, porém podendo ser desenvolvidas atividades em qualquer unidade da federação, a critério da organização do certame.

“A prova objetiva, a prova discursiva, o exame de aptidão física, a prova prática de digitação, a avaliação médica, o primeiro momento da avaliação psicológica, a avaliação de títulos, para todos os candidatos, bem como o procedimento de heteroidentificação dos candidatos que se autodeclararem negros e a avaliação biopsicossocial dos candidatos que se declararem com deficiência serão realizados em todas as capitais e no Distrito Federal”, informa o edital.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.