Temporal desta segunda derrubou árvores e destelhou casas em Foz do Iguaçu

Trabalho das equipes da Defesa Civil após temporal em Foz do Iguaçu. Imagem: Thiago Dutra / AMN.

De acordo com a Copel, cerca de 20 mil imóveis ficaram sem eletricidade nas primeiras horas do dia.

O temporal da manhã desta segunda-feira (11) provocou a queda de pelo menos 20 árvores no perímetro urbano de Foz do Iguaçu. Balanço divulgado pela Defesa Civil indica que quatro residências tiveram o telhado severamente afetado, com entrega de lonas aos moradores. Cerca de 20 mil imóveis ficaram sem eletricidade.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

O fenômeno, que durou cerca de uma hora, começou por volta das 5h30, com raios e chuva forte. Conforme a Defesa Civil, foram 45 milímetros no acumulado, somente nas primeiras horas do dia. As rajadas de vento, medidas no aeroporto, chegaram a 40km/h. Em alguns bairros, no entanto, a velocidade, não aferida, foi certamente maior.

Na Rua Tarobá, área central de Foz do Iguaçu, uma árvore de grande porte caiu próximo à sede do Sindicato dos Servidores Municipais (Sismufi), interrompendo o trânsito e danificando os fios de eletricidade e telecomunicações. No Porto Meira, a esquina da Avenida Safira com a Rua Golfinho ficou bloqueada pelo mesmo motivo.

Segundo a prefeitura, duas escolas públicas tiveram incidentes. Na Escola Municipal Érico Veríssimo, no Jardim São Paulo, uma árvore caiu em frente à porta principal. Na Escola Municipal Antônio Gonçalves Dias, no Campos do Iguaçu, também houve queda. No horário, por volta das 6h, ainda não havia alunos nos estabelecimentos.

Três unidades básicas de saúde ficaram sem atendimento ao público por falta de energia elétrica, nos bairros Porto Belo, Vila Yolanda e Vila Adriana. Perto do meio-dia, 2,3 mil imóveis continuavam sem eletricidade, com as equipes da Companhia Paranaense de Energia (Copel) trabalhando para a conclusão dos reparos.

A Defesa Civil orienta a população de Foz do Iguaçu para que, em caso de necessidade, entre em contato pelo telefone 199 (ligação gratuita) ou com o Corpo de Bombeiros, na central 193. A terça-feira (12) deve permanecer chuvosa na cidade, motivo pelo qual é importante manter-se alerta (clique aqui para conferir o boletim da meteorologia).

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Guilherme Wojciechowski - H2FOZ

Guilherme Wojciechowski é repórter colaborador do H2FOZ. E-mail: [email protected] - Veja mais mais conteúdo do autor.