Dia do Consumidor: mutirão on-line permite renegociação de dívidas sem precisar sair de casa

Prazo para quitar débitos, com vantagem, ou fazer novo parcelamento vai até 31 de março.  Assista à entrevista da diretora do Procon de Foz do Iguaçu.

Neste 15 de março é comemorado o Dia Mundial do Consumidor. Dentro das ações alusivas à data, o Procon de Foz do Iguaçu integra a mobilização nacional de renegociação de dívidas. O mutirão on-line ocorre por meio da plataforma de solução de conflitos www.consumidor.gov.br, sem que a pessoa precise sair de casa.

Sobre esse canal virtual, aberto até 31 de março para renegociação e regularização de dívidas, e aos principais direitos e deveres do consumidor, a diretora do Procon de Foz do Iguaçu, Claudinéia Pliacekos, foi entrevistada no Marco Zero. A produção é uma iniciativa conjunta entre o H2FOZ e a Rádio Clube FM.

Assista à entrevista:

Ela explicou que a iniciativa é exclusivamente pela internet e relaciona-se a dívidas com instituições financeiras. O consumidor iguaçuense que precisar de orientação sobre o mutirão on-line poderá obter ajuda da unidade local do Procon, bastando ligar para (45) 2105-8700 e pedir para falar diretamente com a diretora do órgão, Claudinéia Pliacekos.

“São dívidas oriundas de financiamentos ou empréstimos”, reforçou a diretora do Procon de Foz do Iguaçu. “Essa renegociação poderá levar à quitação ou à renegociação da dívida, com um novo parcelamento que precisará ser justo para o consumidor”, orientou Claudinéia, no Marco Zero.

“É uma oportunidade excelente para que o consumidor não acabe tendo o nome ‘seprocado’ [inserido em lista de inadimplentes]”, frisou. “Ter o nome no Serasa acaba dificultando a pessoa de fazer várias negociações e movimentações bancárias”, exemplificou.

De acordo com Claudinéia Pliacekos, o interessado em participar do mutirão on-line deve acessar a plataforma www.consumidor.gov.br, que oferece um passo a passo sobre como seguir. É preciso informar o fornecedor e a situação atual da dívida. O devedor apresenta uma proposta, que será analisada no prazo de cinco a dez dia. A negociação é direta entre o consumidor e o fornecedor.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.