Paraguai vai às urnas. Em Ciudad del Este, há 13 candidatos a prefeito

Um domingo eleitoral, nos 261 municípios do Paraguai. Foto TSJE

Paraguaios vão eleger prefeitos e vereadores dos 262 municípios do país. Lei seca vigora a partir da meia-noite deste sábado.

Em todo o Paraguai, 28 partidos, 113 movimentos políticos, 118 alianças eleitorais e quatro coligações têm candidatos a prefeitos e vereadores dos 261 municípios do país, para as eleições deste domingo, 10.

Há 4.644.536 eleitores habilitados, segundo o Tribunal Superior de Justiça Eleitoral. Assim como no Brasil, o voto é eletrônico. A eleição é para o período 2021-2025.

Na vizinha Ciudad del Este, a prefeitura será disputada por 13 candidatos, entre eles o ex-prefeito Miguel Prieto, do Movimento Consciência Democrática. O Partido Colorado, que domina a política no país, tem como candidato o controvertido Ulises Quintana, que conta com apoio do ex-presidente Horacio Cartes.

Quintana responde a processo movido pela promotoria pública por suposta associação a uma quadrilha de traficantes de drogas.

Há apenas duas candidatas, Tereza Asunción Ozorio (Partido Democrático Cristão) e Yudith María Jiménez Servín (Partido Verde Paraguaio).

Os candidatos que mais apareceram nas redes sociais foram Quintana, Iván Airaldi (Partido Liberal), José María Ayala Cambra (Partido Pátria Querida), Miguel Prieto e Éver Rojas Borja (Partido da Juventude), de acordo com o jornal Última Hora.

Os eleitores aptos a votar em Ciudad del Este somam 219.475 pessoas, que também deverão escolher os vereadores. Nesta eleição, há dois candidatos a vereador de origem estrangeira: Wilson Wang, filho de empresários chineses de Ciudad del Este, pelo Movimento Pátria Sonhada, e Antonio Peng, pela Sociedade Ativa de Ciudad del Este.

A urna eletrônica utilizada pelo Paraguai nas eleições. Foto TSJE

NO DEPARTAMENTO

Nos 22 municípios de Alto Paraná, departamento do qual Ciudad del Este é a capital, estão habilitados a votar 522.922 eleitores, quase a metade deles em Ciudad del Este.

Do total de eleitores, 52,32% são homens e 47,68% mulheres. Há 21.119 estrangeiros aptos a votar.

LEI SECA

No Paraguai, também vigora a proibição de venda de bebidas alcoólicas no dia das eleições. A venda é permitida até a meia-noite deste sábado, 9. Os bares poderão continuar funcionando depois desse horário, mas sem oferecer bebidas, sob pena de pesadas multas.

Em relação ao voto, embora seja obrigatório no país, quem não comparecer às urnas não sofrerá multas, mais uma vez (na eleição passada foi assim). É que a lei eleitoral prevê a aplicação de penalidades, mas não foi regulamentada no Congresso.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ tem 1059 posts e contando. Ver todos os posts de Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.