Mais 177 casos em 24 horas: ocorrências de covid-19 disparam em Foz do Iguaçu

média móvel dos casos em 14 dias aumentou mais de 200% - Foto: Marcos Labanca

Em janeiro, são mais de 500 diagnósticos positivos; casos ativos da doença somam 444.

Os primeiros dias do ano mostram uma explosão de novos casos de covid-19 em Foz do Iguaçu. Nesta quinta-feira, 6, a prefeitura confirmou mais 177 diagnósticos positivos da doença, por meio do boletim epidemiológico divulgado diariamente.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

As novas infecções lançadas nesta quinta-feira são de pessoas com idades que vão de 7 meses a 84 anos. De 1º a 6 de janeiro, são 527 confirmações da infecção causada pelo novo coronavírus, sendo 192 delas registradas no boletim dessa quarta-feira, 5.

“A média móvel dos casos em 14 dias aumentou mais de 200% – atualmente está em 87,1; no dia 23 de dezembro era de 8,71”, informou a gestão municipal, via assessoria. A taxa de transmissão da doença está em 2,55 (há um mês atrás, esse indicador era de 1,55). O ideal é que esse número fique abaixo de 1, ressalta a prefeitura.

Atualmente, há 444 casos ativos da doença, em que existe risco de transmissão do vírus. Desse número, estão em isolamento domiciliar – com sinais e sintomas leves – 432 pessoas, e outras 12 permanecem internadas na rede hospitalar.

Das 40 vagas para pacientes com covid-19 nos hospitais iguaçuenses, 11 são utilizadas – ocupação de 28%. Já na enfermaria, há pacientes em 23 dos 25 leitos, o que representa 92%.

Desde o início da pandemia, em março de 2020, Foz do Iguaçu totaliza 46.320 ocorrências, das quais 44.711 são de pessoas recuperadas. O número total de mortes por covid-19 alcança 1.165 – 2,52% de letalidade.

Covid-19 e influenza

O quadro da saúde pública iguaçuense neste início do ano agrava-se com a incidência de influenza H3N2, gripe com transmissão comunitária no Paraná. Na cidade, há 13 casos de H3N2 registrados, em que todos os pacientes precisaram de internamento.

Visitas suspensas

A partir desta quinta-feira, as visitas a pacientes internados no Hospital Municipal Padre Germano Lauck estão suspensas. O acesso será liberado somente para um acompanhante, que passará por triagem antes de entrar na unidade. A medida é devido ao aumento de casos sintomáticos respiratórios, informa a prefeitura.

“Somente terão direito ao acompanhamento idosos acima de 60 anos, menores de 18 anos e pessoas com dificuldade de locomoção”, aponta a Agência Municipal de Notícias (AMN).

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.