Rodovia das Cataratas terá trecho liberado em frente ao Hotel Carimã

O DER anunciou que abrirá o fluxo para veículos na pista principal da via que leva às Cataratas do Iguaçu e ao aeroporto.

Apoie! Siga-nos no Google News

O tráfego de veículos na pista principal da Rodovia das Cataratas (BR-469), em Foz do Iguaçu, no trecho em frente ao Hotel Carimã, voltará a ser liberado a partir da semana que vem. É o que informa o Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR), que gere a obra.

LEIA TAMBÉM: Removidos da BR-469, restos de árvores ainda têm destino incerto

A liberação deverá ocorrer assim que as condições climáticas forem favoráveis para implantar as modificações necessárias na pista e permitir a passagem de veículos com segurança. “Não sendo possível precisar um dia para a mesma, por enquanto”, reitera o órgão.

O retorno também permanece liberado. O bloqueio e desvio anteriores foram necessários para execução de serviços de implantação do sistema de drenagem da rodovia. A duplicação é uma demanda antiga da comunidade, para atender à demanda turística.

A BR-469 leva ao Parque Nacional do Iguaçu e às Cataratas do Iguaçu e ao aeroporto. Por ela, ainda, são acessados atrativos, parques temáticos, hotéis, a aduana com a Argentina e a Ponte da Integração Brasil-Paraguai – pelo Porto Meira.

Rodovia das Cataratas

A obra na Rodovia das Cataratas ocorre entre o trevo da Argentina e a entrada do Parque Nacional do Iguaçu, totalizando extensão de 8,7 quilômetros. Há um mês, o percentual de execução era de 20%. O investimento é de R$ 129,6 milhões.

Além da duplicação e alargamento da pista, estão previstos acostamentos, vias marginais e passeios com ciclovia. O projeto inclui ponte sobre o Rio Tamanduá e viadutos em frente ao Condomínio Ritz Cataratas, no acesso ao bairro Remanso e na entrada para o aeroporto.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.