No Paraná e no Paraguai, meteorologia alerta para temporais

O belo amanhecer desta quarta-feira. Será que vem temporal? Foto Patrícia Iunovich

Previsão é que um sistema de tempestades atinja uma grande região, entre esta quarta e quinta-feira.

Não é coincidência: enquanto a Divisão de Meteorologia do Paraguai divulga boletim especial com aviso sobre tempestades e ventos de quase 100 km por hora, no Brasil o Inmet lança um novo alerta – agora laranja – para muita chuva, nesta quarta e quinta-feira, e ventos entre 60 e 100 km por hora.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

A área atingida no País abrange quase todo o Sul e partes de São Paulo, do Mato Grosso do Sul e de Goiás. Foz do Iguaçu está no mapa.

O alerta laranja – até o final da manhã desta quarta, ainda era amarelo – prevê que a chuva pode chegar a 30/60 milímetros por hora ou 50/100mm por dia, com risco de alagamentos. O vento pode derrubar árvores e provocar corte de energia.

A diferença entre os alertas amarelo e laranja é que o primeiro significa “perigo potencial!” e o outro “perigo”.

O “mapa do temporal” do Inmet.

NO PARAGUAI

No Paraguai, a Direção de Meteorologia advertiu que deve entrar no país um sistema de tempestades que afetará inicialmente os departamentos de Ñeembucú, Misiones, Itapúa, Sul de Paraguarí e Caazapá, ainda nesta quarta-feira.

Na quinta, os temporais vão atingir Assunção, Central, centro e norte de Paraguaí, Guairá, Cordillera, centro e sul de Presidente Hayes, San Pedro, Caaguazú, sur de Boquerón e ainda Alto Paraná, onde fica Ciudad del Este.

A previsão é de acumulado de chuvas entre 50 e 80 milímetros, acompanhadas de rajadas de vento próximas a 100 quilômetros por hora, como informa o jornal Última Hora.

Na previsão, consta ainda tempestades elétricas (raios) e probabilidade de queda de granizo, mas de forma pontual.

SERVIÇOS NO BRASIL

A previsão dos outros serviços de meteorologia, para esta quarta, não coincide com a do Inmet.

Mas Climatempo e Sistema Faep veem possibilidade de chuva no final da tarde e à noite, enquanto o CPTEC/Inpe diz que esta chance de chuva é de 60% (não é muito baixa).

Pra quinta-feira, no entanto, há unanimidade: todos preveem chuva. E quase todos também preveem uma queda na temperatura, na sexta-feira. Simepar, Sistema Faep e Climatempo já estão com previsão de tempo mais fresco na quinta-feira, com as chuvas.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.