Sem abono, 180 vagas, maquinário, terminal portuário, acordo bom, nova ponte, Ratinho no Oeste e alerta

Sem abono

O Dieese aponta que mais de um milhão de paranaenses ficarão sem abono do PIS/Pasep com a aprovação da reforma da Previdência. Dos 1.472.411 paranaenses que recebem o abono hoje, 68,3% deles perdem o direito. O impacto pode chegar a R$ 683 milhões. O Paraná é o quarto estado com maior perda, fica atrás apenas de Santa Catarina (71,8%), São Paulo (70,1%) e do Rio Grande do Sul (68,5%).

No País, 12,7 milhões de trabalhadores serão afetados. “As pessoas que trabalham no dia a dia é que vão pagar a conta da reforma da Previdência. Se fala muito de combater os privilégios, mas na verdade a conta é paga mesmo pelo trabalhador geral, aquele que atua no setor urbano”, diz o deputado Romanelli (PSB).

180 vagas

Para nova loja em Pinhais, o Max Atacadista – atacarejo do Grupo Muffato – abriu 180 vagas de encarregados de mercearia, açougue e frios, repositor de mercadorias, açougueiro, ajudante de depósito, operador de empilhadeira e cartazista. A loja será inaugurada neste semestre. No total, o empreendimento vai gerar 400 empregos (250 diretos e 150 indiretos). Em seleção ocorrida em junho, foram preenchidas 70 vagas das 250 disponíveis. Dias atrás, o grupo inaugurou o atacarejo em Fazenda Rio Grande.

Maquinário

A prefeitura de Foz do Iguaçu recebeu R$ 800 mil em maquinários –  um trator de esteira, dois caminhões caçambas, um caminhão espargidor e uma motoniveladora -, resultado de acordo do MPF com réus da Operação Pecúlio como forma de reparação. “Com estes equipamentos, a prefeitura vai ampliar as ações de infraestrutura em todas as regiões da cidade”, disse o prefeito Chico Brasileiro (PSD). Ao todo, as indenizações chegam a R$ 5.4 milhões.

Terminal portuário

O vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsobnaro, avisa pelo twitter que em 30 dias o governo federal fará o leilão de mais três terminais portuários, uma das áreas no Porto de Paranaguá. 

Acordo bom

Especialistas e técnicos da Faep avaliam que o Paraná está entre os estados que vão se beneficiar mais pelo acordo de livre comércio entre Mercosul e União Europeia, devido ao perfil do setor produtivo local. Na indústria, os segmentos de alimentos, móveis, madeira, têxteis e vestuário serão os principais candidatos a ganhar novos clientes do outro lado do Atlântico, enquanto, na agropecuária, as vantagens aparecerão em praticamente todas as atividades. 

Tarifa congelada

O valor da tarifa de ônibus em Curitiba vai se manter em R$ 4,50 até fevereiro de 2020. É o que prevê convênio assinado entre a prefeitura e Estado que vai repassar R$ 40 milhões a prefeitura, o que vai garantir o subsídio da tarifa. Atualmente, o custo real da passagem de ônibus é de R$ 4,79. O convênio prevê ainda a criação de novas faixas exclusivas para os ônibus na capital e .e novas linhas metropolitanas. 

Nova ponte

A Itaipu Binacional formalizou o interesse para a construção da ponte entre Carmelo Peralta (Paraguai) e Porto Murtinho (MS); O investimento é de US$ 75 milhões, valor similar ao da Ponte da Integração, ligando Foz do Iguaçu a Presidente Franco. A ponte terá 680 metros de extensão, 380 metros de vãos livres e 22 metros de altura, com duas torres de mais de 100 metros de altura e viadutos de 150 metros em ambas as cabeceiras, com pilares preparados para o trânsito de veículos de grande porte. A obra deve gerar mais de mil empregos.

Ratinho no Oeste

O governador Ratinho Junior estará hoje em Cascavel e Medianeira. Em Cascavel, conhece a granja do projeto pioneiro de produção de ovos no Brasil, no sistema de criação de galinha sem gaiola, inaugura o entreposto para distribuição do produto e participa do 5º Show Pecuário no Parque de Exposições Celso Garcia Cid. Em Medianeira, Ratinho Junior participada abertura da AveSui South America, feira de aves, suínos, peixes e leite, considerada uma das maiores de proteína animal do continente. 

Exportação de porco

A exportação de carne porco pelo Porto de Paranaguá cresceu 58% entre o primeiro semestre de 2018 e o de 2019. Neste ano, foram 36,2 mil toneladas com receita de US$ 76 milhões. De janeiro a junho do ano anterior, foram 23 mil toneladas e US$ 49 milhões em receita. Os cinco principais destinos da carne suína são Hong Kong (13,3 mil toneladas), China (10,8 mil), Cingapura (6,9 mil), Vietnã (1,4 mil) e Albânia (1 mil toneladas).

Alerta

“No Paraná ainda não foram confirmados casos, mas todo o cuidado é pouco. O sarampo mata e a única forma de preveni-lo é tomando a vacina. A doença é altamente contagiosa, cada paciente infectado contamina pelo menos 16 pessoas não imunizadas.  O esquema vacinal prevê duas doses para pessoas de 12 meses até 29 anos de idade. É indicada uma terceira dose a pessoas com até 49 anos. A tríplice viral é fornecida pelo SUS, e está disponível nas unidades básicas de saúde” – do deputado Luciano Ducci (PSB) alertando sobre a importância da vacina contra o sarampo.


Da Redação ADI-PR Curitiba
Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.