Em dois meses, etanol aumentou 8,5% em Foz; gás de cozinha subiu 9,7%

Consumidor deve colocar o CPF na nota fiscal nos postos de combustíveis - Foto: Marcos Labanca

Consumidor já sente no bolso a alta dos preços dos combustíveis; em Foz, gás de cozinha está 13% mais caro do que em Toledo.

Acompanhando o aumento de custos em diversos setores da economia, o preço médio dos combustíveis em Foz do Iguaçu registrou alta considerável nos últimos dois meses. Os dados são de levantamentos realizados pela Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Em apenas dois meses, o etanol teve aumento de 8,5% no valor médio (R$ 4,58), variando o preço encontrado entre R$ 4,37 e R$ 4,71 nos 14 postos consultados. A alta também foi sentida no preço da gasolina. O aumento nas bombas foi de 6,4%, alcançando o valor médio de R$ 5,87 pelo litro, com uma variação entre R$ 5,55 e R$ 5,99.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

O gás de cozinha subiu 9,7% em apenas 60 dias, com o preço médio atual em R$ 112,84. De acordo com o levantamento, o botijão já está sendo comercializado na cidade entre R$ 110 e R$ 118.

Gás 13% mais caro do que em Toledo

O Portal H2FOZ aproveitou para fazer uma comparação entre Foz e duas cidades próximas do mesmo porte: Toledo e Cascavel. Apesar das altas, a Terra das Cataratas registrou o “melhor” preço médio do etanol e da gasolina da região.

Por outro lado, o gás de cozinha está bem mais caro por aqui. Na comparação com Toledo, o preço médio do botijão está 13,3% maior. Enquanto por lá o produto pode ser adquirido a partir de R$ 90, em Foz você não vai encontrar por menos de R$ 110. Confira os gráficos:

“O 11 e o 7 de setembro na fronteira”
Guarê – Podcast do H2FOZ

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Vacy Junior - H2FOZ

Vacy Alvaro é repórter e coordenador dos infográficos do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.