Tarifa verde. Valor da conta de luz da Copel pode cair 20% em média

Percentual de redução poderá ocorrer quando todo o ciclo de consumo já estiver dentro do período de isenção - Foto: Guilherme Pupo/AEN

Redução prevista é por causa da suspensão da bandeira escassez hídrica.

O fim da bandeira escassez hídrica e o início da tarifa verde, determinados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), devem beneficiar os consumidores paranaenses, que utilizam o serviço da Copel. O valor da conta de luz pode sofrer redução.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Espera-se uma diminuição gradativa na conta da Copel a residências, comércios e indústrias atendidos em baixa tensão. Essa queda poderá chegar a “20% quando todo o ciclo de consumo já estiver dentro do período de isenção da cobrança”, afirma a Agência Estadual de Notícias (AEN).

Instituída nacionalmente, a bandeira escassez hídrica acrescia R$ 14,20 a cada 100 kWh consumidos. Com a sua suspensão no último sábado, a “previsão é de que todos os consumidores sejam beneficiados pela tarifa verde até o final deste ano”, frisa a AEN.

O valor extra cobrado nas contas de luz era para compensar os custos de produção de energia, mais caros devido à estiagem que afetou todo o país. Segundo o governo federal, 2021 foi o maior período de secas em 91 anos, prejudicando a geração das hidrelétricas.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.