Lojas do Paraguai estarão abertas no feriadão brasileiro de Independência

Próximo feriado no país vizinho será só no dia 29; em Ciudad del Este, parte do comércio terá horário especial.

Apoie! Siga-nos no Google News

O feriado de 7 de Setembro está chegando e uma dúvida comum, entre muitos viajantes que estarão na fronteira, é se as lojas do Paraguai estarão abertas durante o período. A pergunta tem como base a memória de que, na década de 1990, muitos estabelecimentos, que tinham donos ou funcionários brasileiros, fechavam nos feriados do Brasil.

Leia também:
Parque Nacional do Iguaçu deve receber 25 mil turistas no feriadão, com horário ampliado

ATUALIZAÇÃO – 6/9: devido ao jogo entre Paraguai e Peru, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, que será jogado em Ciudad del Este, no início da noite de quinta-feira (7), a prefeitura local decretou recesso municipal, com interrupção dos serviços não essenciais a partir das 14h (hora brasileira). Para saber mais sobre a medida, clique aqui.

Com foco cada vez maior no turismo de compras (e não no fluxo de “sacoleiros” do passado), o comércio de Ciudad del Este estará totalmente aberto durante o fim de semana prolongado, que irá de quinta-feira (7) a domingo (10), com expectativa de ocupação superior a 80% na hotelaria de Foz do Iguaçu.

Na sexta (8) e no sábado (9), inclusive, várias das principais lojas do lado paraguaio da fronteira atenderão com horário especial, abrindo mais cedo e/ou fechando mais tarde, para dar conta do bom movimento previsto. No domingo, o comércio de importados costuma abrir apenas pela manhã, não havendo expediente no período da tarde.

Os dias de maior circulação na Ponte Internacional da Amizade deverão ser, justamente, a sexta e o sábado, com registro de congestionamentos no sentido Paraguai desde as primeiras horas da manhã e filas acima da média para retornar a Foz do Iguaçu entre o início e o meio da tarde.

Recomendações

Como habitual em cada feriado prolongado, as recomendações para evitar transtornos incluem utilizar apenas transporte autorizado, evitando as vans clandestinas que oferecem a travessia nas imediações da ponte e são, constantemente, usadas para assaltos de turistas que seguem com dinheiro vivo em direção ao Paraguai.

Antes de ir às compras, outra dica importante é pesquisar em quais lojas são vendidos os produtos que você procura e como é a reputação do estabelecimento, evitando locais pouco conhecidos, desconfiando de ofertas tentadoras demais e dispensando os conselhos dos supostos “guias” que abordam visitantes na região próxima à ponte.

Em caso de problemas, a orientação é procurar o Escritório Municipal de Defesa do Consumidor, da prefeitura de Ciudad del Este, localizado no Shopping Box, ou a unidade da Polícia Turística do Paraguai, que atende na aduana da Ponte da Amizade, pista de sentido Brasil, ao lado do escritório de Migrações.

LEIA TAMBÉM