Foz não terá Carnaval, mas terá 35 dias de pura magia do Natal de Águas e Luzes

Momento mais esperado pelo público: a chegada do Papai Noel. Foto Rubens Fraulini/Itaipu

Abertura do Natal foi nesta quarta-feira (1) à noite, na Praça da Paz, para um público de mais de 15 mil pessoas.

Pra quem gosta, é uma pena! O Carnaval de 2022 está cancelado em Foz, devido à nova variante do coronavírus – a ômicron -, que surgiu no mundo (e já está no Brasil). A decisão foi tomada nesta quarta-feira (1) à tarde, pelo Comitê de Crise ao Enfrentamento à Covid em Foz do Iguaçu, seguindo o que já fizeram dezenas de cidades Brasil afora.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Mas a festa do Natal de Águas e Luzes está garantida. Até 5 de janeiro, a programação de Natal será uma sucessão de espetáculos de luzes, de cores, de música e de pura magia natalina, como puderam conferir as mais de 15 mil pessoas que assistiram à abertura do evento, na noite desta quarta, na Praça da Paz.

A iluminação e a decoração da Praça da Paz e, em especial, o espetáculo “Um Encanto de Natal”, com a Companhia Sorriso com Arte, fizeram o público se dividir entre “ahs!” e “ohs!” de admiração.

Dois momentos especialmente marcantes do espetáculo: a chegada do Anjo, que veio “do céu” para anunciar anunciar o nascimento de Jesus Cristo (um bebê de verdade, que também chamou a atenção do público pela tranquilidade em meio à música, às luzes e à movimentação dos atores e dos fotógrafos).

O anjo desce e é uma das primeiras grandes surpresas do espetáculo. Foto Rubens Fraulini
O tranquilo “Menino Jesus” com os pais. Foco das atenções do público. Foto Christian Rizzi/PMFI

Mais ao final, o Papai Noel também veio do alto, no seu trenó, e desceu entre o público, até subir ao palco para receber a chave da cidade, entregue pelo prefeito Chico Brasileiro e pela primeira-dama, Rosa Maria Jeronymo.

“Nós estamos entregando a chave da cidade ao Papai Noel para que ele possa, nos próximos dias, comandar a alegria, a esperança, a paz e a harmonia entre todos nós”, declarou o prefeito, no encerramento da noite. “E que possamos viver um Natal de renascimento, com Cristo, que realmente represente as famílias”, completou.

De trenó, Papai Noel começa a descer junto ao público. Foto Christian Rizzi/PMFI

Papai Noel já com a chave da cidade. A festa começa oficialmente. Foto Rubens Fraulini

PARCERIAS

Chico Brasileiro fez questão de chamar ao palco os principais parceiros do Natal de Águas e Luzes, entre eles, o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general João Francisco Ferreira, e disse que a iniciativa só foi possível graças aos esforços e à união de todos. “E essa união se faz por Foz do Iguaçu”, reforçou.

O general João Francisco Ferreira lembrou que até meados do ano, quando a pandemia de covid-19 ainda estava em um momento crítico, havia uma grande interrogação quanto à realização da festa natalina.

“Mas graças a Deus, aos esforços do setor de saúde da prefeitura, da própria Itaipu, e ao avanço da vacinação, conseguimos superar esse momento de indefinição. E, a partir daí, começamos a construir o Natal de Foz”, afirmou.

Para um público de mais de 15 mil pessoas, diretor-geral de Itaipu lembrou que Natal é resultado de parcerias. “Nada se faz sozinho.” Foto Rubens Fraulini
Organizadores do Natal de Águas e Luzes no palco. Trabalho em parceria. Foto Christian Rizzi/PMFI

“Nossa intenção era justamente permitir que neste mês de dezembro pudéssemos oferecer à população de Foz, aos turistas, um final de ano muito mais feliz”, disse o general, acrescentando que “só foi possível chegarmos a esse dia com grandes parcerias”.

“Nada se faz sozinho”, destacou, mencionando a Prefeitura, o Fundo Iguaçu e o apoio das igrejas Católica e Evangélicas, entre outros parceiros.

Acompanharam do lançamento da festa o presidente do Fundo Iguaçu, Ênio Eidt; o presidente da Câmara de Foz do Iguaçu, Nei Patrício; o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Foz do Iguaçu (Acifi), Faisal Ismail; o bispo da Diocese de Foz do Iguaçu, dom Sérgio de Deus Borges; e o presidente do Conselho de Pastores Evangélicos de Foz do Iguaçu, pastor Waldiney Fernandes – entre outras autoridades.

A estimativa de 15 mil pessoas foi feita pela Guarda Municipal de Foz do Iguaçu. Mesmo com a praça lotada, os cuidados sanitários não foram deixados de lado e a maioria dos presentes, adultos e crianças, usaram máscaras faciais.

Quem perdeu a primeira apresentação do espetáculo “Um Encanto de Natal”, na Praça da Paz, terá mais uma oportunidade nesta quinta-feira (2), a partir das 20h.

Magia e encantamento no palco: será tudo um sonho da menina? Foto Christian Rizzi/PMFI

As surpresas se sucedem e o público fica cada vez mais encantado. Fotos Rubens Fraulini

VEJA A PROGRAMAÇÃO

A festa desta quarta-feira marcou o início de uma programação extensa e, pela primeira vez, espalhada por diferentes pontos do município, com decoração temática na Praça da Paz, Praça da Bíblia, Matriz São João Batista, Colégio Bartolomeu Mitre, Terminal de Transporte Urbano e – também pela primeira vez – iluminação da Ponte da Amizade.

O Gramadão da Vila A, que passa por revitalização, será reaberto à população no sábado, dia 4 de dezembro, com uma grande festa ao ar livre e atrações como a Vila de Natal e a Floresta Encantada.

Haverá espetáculo circense, voo de balão, roda-gigante, manobras BMX Freestyle e apresentação da Orquestra Sinfônica do Exército.

Até o dia 23 de dezembro, o Gramadão da Vila A e a Praça da Paz também terão cerimônias diárias para marcar o acendimento das luzes de Natal, chamado “Encantamento”.

Outra novidade é a Ponte Internacional da Amizade, um dos símbolos da integração entre Brasil e Paraguai, que receberá iluminação especial.

Haverá ainda projeções mapeadas inéditas no Colégio Mitre e na Matriz São João Batista (centro da cidade) e iluminação cênica na Catedral Nossa Senhora de Guadalupe, na Vila A.

PARADAS E AUTOS DE NATAL

Veja a programação e se programe: espetáculos são imperdíveis. Foto Christian Rizzi/PMFI

A programação do Natal de Foz inclui espetáculos de dança e de música, paradas (desfiles) e autos de Natal e apresentações inéditas nos bairros.

Uma carreta-palco vai circular pela cidade, levando a magia do Natal para locais como a ocupação do Bubas, Bairro São Luiz, Três Lagoas, Vila C, Porto Belo e Jardim Jupira.

Outro ponto alto da programação são as paradas de Natal, nos dias 9, 10 e 11, na Avenida Jorge Schimmelpfeng, organizada pela Cia. Sorriso com Arte, com carro alegórico, acrobatas, duendes e músicas natalinas.

As atrações mais aguardadas do Natal de Foz são o cantor Daniel (com show no dia 19 de dezembro) e o padre Reginaldo Manzotti (missa e show no dia 22 de dezembro). Ambas as apresentações serão no Gramadão da Vila A, com expectativa de grande público. Todas as atrações são gratuitas.

O Natal de Águas e Luzes é uma iniciativa da Itaipu Binacional, Prefeitura de Foz, Fundo Iguaçu e parceiros locais.

O nome escolhido para a festa faz referência às Cataratas do Iguaçu, maior atração turística de Foz, aos rios que cortam a cidade e à própria usina de Itaipu, maior geradora de energia limpa e renovável do planeta.

(Com texto básico de Assessoria de Imprensa de Itaipu)

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.