Divulgação

Inscrições pra gincana “Todos contra a dengue” foram simplificadas e estendidas

Vale lembrar: os três bairros que vencerem a gincana vão receber, cada um, R$ 55 mil. Mas o maior prêmio será mesmo se livrar do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue.

Para facilitar a participação da população na Gincana “Todos contra a Dengue”, a partir de agora as associações de moradores não precisarão mais fazer o cadastro de fornecedores na Itaipu como pré-requisito básico. Essa etapa só será exigida dos vencedores da premiação.

“Essa mudança é para desburocratizar o processo e torná-lo mais ágil. Com isso, o prazo de inscrição, previsto inicialmente para o dia 25 de novembro, será estendido até o dia 2 de dezembro. Ou seja: ficou bem mais fácil a participação da nossa gente”, explica o coronel Jorge Aureo Ferreira, assessor especial do diretor-geral brasileiro da Itaipu, general Joaquim Silva e Luna.

Ele faz um pedido: “Vamos lá, mobilize seu bairro e nos ajude a vencer essa guerra”. A dengue está à espreita e pode matar.

A ação é voltada para associações de bairro e entidades sem fins lucrativos de Foz do Iguaçu. O objetivo é mobilizar a população, com ações práticas e educativas, para conter a proliferação do Aedes aegypti, mosquito transmissor da doença.

A mobilização é uma iniciativa da margem brasileira de Itaipu, por meio do Grupo de Trabalho Itaipu Saúde, e conta com o apoio de vários parceiros, entre eles a Prefeitura, Centro de Controle de Zoonoses, Centro de Medicina Tropical do Hospital Ministro Costa Cavalcanti (HMCC), Corpo de Bombeiros, entre outros.

O formulário eletrônico para participar está disponível neste endereço: https://bit.ly/2UXUnW4.
Todas as inscrições deverão ser acompanhadas de Declaração de Cessão de Direitos Autorais e Uso e Veiculação de Imagem, de acordo com os modelos fornecidos pela comissão organizadora.
Ficou com dúvidas? Entre em contato com a comissão organizadora pelo WhatsApp no número (45) 9 8815-0673.

Como vai funcionar

A gincana “Todos Contra a Dengue” está dividida em cinco categorias: vistoria nas residências do bairro; envolvimento comunitário; ações individuais e coletivas; limpeza de vias públicas; e produção de vídeo.

As vistorias residenciais serão feitas pelas equipes de agentes de endemias do CCZ mediante sorteio prévio. Cada residência que atender aos protocolos adotados pela Vigilância Sanitária receberá um selo verde e renderá 50 pontos para o seu bairro.

As demais ações, como sensibilização, disseminação de informações e orientação à população, coleta de materiais, limpeza de terrenos e vias, limpeza de quintais, extermínio de focos e criadouros do mosquito Aedes aegypti, assim como mutirões de limpeza e coleta de resíduos, deverão ser comprovadas por fotos ou vídeos para que o bairro receba a pontuação correspondente. O envio deve ser feito para a comissão organizadora pelo WhatsApp (45) 9 8815-0673.

Uma comissão formada por Itaipu e parceiros acompanhará a execução da gincana e avaliará as ações enviadas e validará a pontuação final.

Devido à ampliação do prazo de inscrições, a avaliação e contagem da pontuação ocorrerão em nova data, assim como a divulgação do resultado. A entrega da premiação e dos certificados será feita em sessão pública, também em data e local a serem definidos.

O regulamento da gincana está disponível no link: https://bit.ly/374kWhV.

Divulgação

Assessoria

Este texto é de responsabilidade de assessoria da imprensa institucional e/ou empresarial. Veja mais conteúdo do autor.

Assessoria tem 457 posts e contando. Ver todos os posts de Assessoria