Feriado nas Cataratas do Iguaçu supera expectativa e registra mais de 18 mil visitantes

A magia e a exuberância das Cataratas do Iguaçu - Foto: Bruno Bimbatto/Cataratas S.A

Presença do turista brasileiro impulsiona recuperação do destino, que está em alta; viajantes de pelo menos 36 países contemplaram o atrativo em Foz do Iguaçu.

O feriado prolongado do início de novembro superou as expectativas neste momento de retomada do turismo iguaçuense. O carro-chefe do destino, o Parque Nacional do Iguaçu, onde estão as Cataratas do Iguaçu, registrou 18,3 mil visitantes em quatro dias (de 30 de outubro a 2 de novembro), superando a expectativa que era receber 15 mil pessoas.

Leia também: Retomada: turismo de Foz do Iguaçu leva vantagem por ser destino de natureza

O dia mais intenso foi o domingo, 31, quando mais de nove mil visitantes vivenciaram a experiência de interagir com a natureza e contemplar uma das Sete Maravilhas do Mundo. Em relação ao turista brasileiro, o atrativo está recuperando, em feriados, os patamares anteriores à pandemia, restando ainda a normalização do fluxo de viajantes internacionais.

O atrativo iguaçuense recebeu pessoas vindas de todos estados do país e do Distrito Federal, com predominância das regiões Sudeste e Sul. Foram grupos de famílias ou de amigos que aproveitaram os dias para uma imersão na fauna e flora da região, e contato próximo com a energia e a exuberância das quedas d’água mais belas e famosas do mundo.

Atrativo em Foz do Iguaçu recebeu visitantes brasileiros e de outros países – Foto: Bruno Bimbatto/Cataratas S.A

No feriadão, a unidade de conservação recebeu mil turistas de pelo menos 36 nações (*). Na América do Sul, os maiores emissores foram Paraguai, Bolívia e Argentina. Vale destaque para o número de visitantes dos Estados Unidos e, entre os europeus, da França, Alemanha e Espanha. O PNI ainda contou com a presença de chineses, japoneses, russos e australianos.

A visitação durante a pausa prolongada de Finados deste ano superou, de longe, a de 2019, anterior à pandemia, mas sem feriadão, quando 13.665 pessoas assistiram ao espetáculo das águas em Foz do Iguaçu. O excelente público nesse feriadão indica tendência de aumento da visitação, já que em outubro as Cataratas do Iguaçu foram o destino de 78,6 mil visitantes, alta de 17% com relação ao mês anterior.

O mês de novembro marca o início da alta temporada do turismo em Foz do Iguaçu, que vai até janeiro. O otimismo é grande, pois o Destino Iguaçu vem investindo na diversidade de atrativos, na qualificação dos serviços – o que inclui novas contratações – e na ampliação do atendimento na rede hoteleira e gastronômica.

O cenário é animador porque a vacinação em massa no país está obtendo os objetivos previstos pelos especialistas. Os indicadores são favoráveis para o controle da pandemia, sendo que os de Foz do Iguaçu e do Paraná equiparam-se aos do primeiro semestre do ano passado, antes da aceleração da doença.

* Visitantes de 36 nações informaram especificamente o país de origem, e 60 turistas assinalaram “outros países”.

Origem dos visitantes das Cataratas do Iguaçu o feriadão:

Afeganistão
Alemanha
Argentina
Australia
Belarus
Belgica
Bolivia
Brasil
Canadá
Chile
China
Colombia
Coreia do Sul
Equador
Eslovênia
Espanha
Estados Unidos
Federacao Russa
França
Holanda
India
Inglaterra
Israel
Italia
Japao
Lituania
Mexico
Nova Zelândia
Paraguai
Peru
Polônia
Portugal
Suíça
Ucrania
Uruguai
Venezuela
Outros países

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Paulo Bogler - H2FOZ tem 1450 posts e contando. Ver todos os posts de Paulo Bogler - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.