Óticas Carol aposta em Foz do Iguaçu e inaugura a sua sexta loja na cidade

No dia 07 de maio, Foz do Iguaçu ganhará mais uma unidade das Óticas Carol. Essa será a 6ª loja da rede na cidade e a maior até agora, oferecendo mais de 1000 opções de óculos. Localizada na Rua Quintino Bocaiuva, nº 744, e vai ser a terceira unidade das Óticas Carol no centro da cidade. A inauguração também tem um significado especial para o Grupo Samir, afinal esta será a 10ª loja do grupo.

“É um local com alto fluxo de clientes do ramo ótico que ainda não tinha um ponto de atendimento naquela microrregião. Era onde faltava um ponto nosso” explica o empresário Samir Soueid, dono do Grupo Samir, franqueado exclusivo na Região Oeste da Óticas Carol.

Mais do que um novo ponto de vendas, Samir afirma que a nova loja é também uma aposta em Foz do Iguaçu. “É acreditar na cidade! Quando falamos sobre abertura de novos empreendimentos em Foz, muita gente, inclusive algumas pessoas da classe empresarial, questionam se faz sentido, mas acho que a resposta está no trabalho e no resultado que a empresa tem em Foz do Iguaçu. É uma cidade que sempre propicia bons retornos”.

Em tempos de incerteza econômica, Samir enxergou uma oportunidade para novos empreendimentos. “Estamos investindo porque, neste momento, há oportunidades surgindo. Pontos onde queríamos estar estão vagando e em regiões onde queríamos entrar. Pertencemos ao ramo de saúde e ele não foi interrompido. Por isso, seguimos trabalhando e enxergando essas oportunidades”.

Com o contexto da pandemia do COVID-19, todas as medidas de biossegurança já serão implementadas. “Além do uso de máscaras e álcool gel, há também a limpeza constante do espaço e dos produtos expostos. Também levamos as peças higienizadas para aqueles que não podem vir até a loja” explica a gerente da loja Scheila Mara Schefer.

Grupo Samir genuinamente iguaçuense

O Grupo Samir começou seus investimentos no ramo ótico em 2014, o desafio foi trazer para Foz do Iguaçu uma franquia de nível nacional. A primeira loja aberta foi na Av. Brasil em Foz, a meta era conquistar a cidade e também oferecer uma nova experiência aos seus clientes.

Samir Soueid, o proprietário do grupo em toda sua carreira profissional buscou superar grandes desafios e com a Rede de Óticas Carol não foi diferente, além tornar sua rede de lojas a mais famosa de Foz também expandiu seus negócios para Santa Terezinha de Itaipu, Medianeira, Toledo, Marechal Cândido Rondon e agora está entrando no norte do Paraná com a filial em Maringá. O Grupo Samir emprega mais de 60 funcionários.

Ao longo de seis anos o grupo chega com 11 lojas, sendo quatro abertas no período de pandemia do COVID-19, em todo esse período de instabilidade econômica não foram realizadas demissões e sim contratações de pessoal e também o grupo realizou mais de 1,5 milhões de reais em investimentos.

Investimento no Norte do Paraná

A próxima empreitada do Grupo Samir será a expansão do grupo para a Região Norte do Paraná com a inauguração da nova unidade das Óticas Carol em Maringá. Será a 11ª loja do grupo. “É uma região do estado que as Óticas Carol ainda não tinham desenvolvido um trabalho, então, nós desenvolvemos isso junto à franqueadora para promover o que que já fazemos aqui no Oeste do Paraná, que é o varejo no ramo ótico, uma demanda pouco explorada neste setor” explica Samir.

Para o empresário, a fórmula para expansão é a confiança no produto oferecido. “As pessoas veem as oportunidades das Óticas Carol propiciam, que é poder enxergar melhor por um preço acessível. Isso faz toda a diferença”.

Enxergar bem muda tudo

Para a Óticas Carol o mais importante é olhar a qualidade de vida das pessoas enxergando bem, por isso existem várias ações sociais que propiciam óculos por preços acessíveis é também oferecer qualidade de vida para as pessoas, especialmente entre as crianças na fase escolar, as Óticas Carol promovem o projeto Pequenos Olhares voltado para crianças em idade escolar, de 4 a 11 anos.

O objetivo é disponibilizar óculos completos (armação e lentes), por R$ 49, podendo ser parcelado em 10 vezes de R$ 4,90 para crianças matriculadas no ensino público. De acordo com o Instituto Data Popular, estima-se que 80% das crianças do país nunca fizeram exames oftalmológicos e destas, 30% precisam de correção visual para minimizar prejuízos no processo de ensino-aprendizado.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.