A praça que a vereadora Inês quer pronta tem bancos, sim. Ao menos no projeto.

Cláudio Dalla Benetta

Na postagem “Por que Foz tem poucas praças e nelas não há bancos de praça”, aqui no blog, havia um trecho referindo-se à luta da vereadora Inês Weizemann para ver concluída a Praça Aporã, no bairro Ipê, “em obras” desde 2017.

Já que as praças de Foz não oferecem bancos nem sombra pros iguaçuenses, pra que, então, brigar por essa praça?, era a questão levantada.

Mas a Praça Aporã tem bancos, sim. Só não tinha na imagem postada. Nessas de hoje, lá estão os bancos. Não são muitos, mas talvez suficientes.

Aliás, como explicou a assessora de Inês, jornalista Cris Loose, a praça é “multiúso, com parquinho, quadra, pergolado…” E a gente conclui: e bancos.

Fica, então, a ressalva ao texto anteriormente publicado.

Mas, como sempre, a gente fica com um pé atrás: será que a praça ficará assim como está no projeto? Ou, na hora H, os bancos somem?

Fique atenta, vereadora!

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.