Sede da Prefeitura de Foz do Iguaçu. Estágio é realizado na administração municipal - Foto: Marcos Labanca/Arquivo

Trabalho e juventude: novo secretário assume pasta com 2º menor orçamento em Foz

Moções de aplauso no Legislativo iguaçuense, segurança do voto eletrônico, unidade da PRF em São Miguel e sanções da lei de proteção de dados.

Minguada de recursos, a Secretaria do Trabalho, Juventude e Capacitação de Foz do Iguaçu tem novo titular, que acaba de ser nomeado pelo prefeito Chico Brasileiro (PSD). Trata-se de Gilberto de Assis Pereira Neto, em substituição a Franciely de Moura Montemezzo.

Gilberto de Assis Pereira Neto é o novo secretário municipal do Trabalho, Juventude e Capacitação – Foto: Divulgação/Prefeitura

O neófito no primeiro escalão do Palácio das Cataratas irá gerir uma secretaria que tem R$ 996 mil de orçamento em 2021, o segundo menor entre todos os órgãos da gestão. Ele pretende dar continuidade aos projetos existentes, qualificar jovens e fortalecer a economia iguaçuense.

Moções de aplauso

A Câmara de Vereadores retoma as sessões nesta terça-feira, 3. Na pauta estão três propostas de moção. Elas propõem aplausos ao Tribunal de Justiça do Paraná, a um major da Polícia Militar e ao Sindicato Nacional dos Analistas Tributários da Receita Federal.

“Em defesa da democracia”

Ex-presidentes do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) desde a Constituição Federal de 1988 assinaram documento “em defesa da democracia”, ante a insistência de Jair Bolsonaro em afirmar que só terá eleição no ano que vem se houver voto impresso. Os 18 signatários atestam a segurança da votação eletrônica no Brasil.

“Desde 1996, quando da implantação do sistema de votação eletrônica, jamais se documentou qualquer episódio de fraude nas eleições”, expõe a nota (aqui, na íntegra). “A urna eletrônica passou por sucessivos processos de modernização e aprimoramento, contando com diversas camadas de segurança”, pontua.

PRF em São Miguel do Iguaçu

A assembleia do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu aprovou tratativas para atuar na construção de uma unidade da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em São Miguel do Iguaçu (PR). “Seremos os intermediários dos recursos que serão viabilizados”, disse o presidente dos Lindeiros, Heraldo Trento.

Proteção de dados

As sanções previstas na Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entra em vigor em agosto, podem ser aplicadas a empresas que usarem indevidamente os dados de clientes. Entre as penalidades estão advertências, bloqueios e multas diárias.

As sanções previstas valem desde o dia 1º de agosto. A LGPD estabelece que empreendimentos que armazenem contatos, CPF, endereço ou e-mail de clientes devem definir a finalidade desses dados. E, ainda, obter o consentimento para seu uso das informações.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Blog da Redação

Blog da Redação é de responsabilidade dos jornalistas do Portal H2FOZ. Veja mais mais conteúdo do autor.

Blog da Redação tem 0 posts e contando. Ver todos os posts de Blog da Redação

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.