Após corrida por combustíveis, paralisação de caminhoneiros pode estar perto do fim

A paralisação dos caminhoneiros provocou longas filas de motoristas nos postos de combustíveis em Foz do Iguaçu. O receio era de que o bloqueio provocasse a falta de produtos como gasolina, etanol e diesel nas próximas horas.

Em alguns postos, chegou a faltar combustível, mas a situação pode ser normalizada em breve, após o governo federal pedir a desmobilização, de forma a evitar desabastecimento e mais inflação.

Foto: Marcos Labanca.

De acordo com a Agência Brasil, canal oficial do governo federal, em um áudio direcionado aos caminhoneiros, o presidente Jair Bolsonaro pediu às lideranças do movimento que desbloqueiem as vias.

“Fala para os caminhoneiros que são nossos aliados que esses bloqueios atrapalham nossa economia. Isso provoca desabastecimento e inflação. Prejudica todo mundo, em especial os mais pobres. Dá um toque para os caras, para liberar, para a gente seguir a normalidade. Deixa com a gente em Brasília, aqui, agora. Não é fácil negociar e conversar por aqui com outras autoridades, mas a gente vai fazer nossa parte e vamos buscar uma solução para isso, tá ok? Aproveita e, em meu nome, dá um abraço em todos os caminhoneiros”, disse o presidente.

Na manhã desta quinta-feira (9), mais de dez trechos de rodovias do Paraná estavam com bloqueios ou restrições para circulação de veículos de carga, segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O presidente do Sindicato dos Proprietários de Postos de Combustíveis do Paraná (Sindicombustíveis-PR) em Foz do Iguaçu, Walter Venson, informou que, se a procura continuar grande, a situação pode ficar crítica nos próximos dias, porém ressaltou que não há motivo para correria: “Acredito que a crise irá logo se dissipar, e os caminhões poderão recarregar os postos novamente”.

Opção pelo Paraguai

Para quem não pretende enfrentar as filas no Brasil, os postos de Cidade do Leste, no Paraguai, podem ser uma opção. O combustível que chega à cidade é transportado de Assunção.

Óia a onça, ops, não, OUÇA:
Guarê – Podcast do H2FOZ

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Vacy Junior - H2FOZ

Vacy Alvaro é repórter e coordenador dos infográficos do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Vacy Junior - H2FOZ tem 84 posts e contando. Ver todos os posts de Vacy Junior - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.