Relatório destaca impactos da Unila na região de fronteira

Anuário disponível na internet reúne dados e indicadores sobre a atuação da Universidade Federal da Integração Latino-Americana.

Apoie! Siga-nos no Google News

Com sede em Foz do Iguaçu, a Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila) disponibilizou ao público, nesta terça-feira (30), a primeira edição do relatório “Unila em Destaque”, que terá periodicidade anual.

Leia também:
Unila fará supervisão do Mais Médicos no Oeste do Paraná

Coordenada pela Secretaria de Comunicação (Secom), a publicação tem como objetivos reunir dados sobre a atuação da universidade e demonstrar indicadores acerca do impacto da instituição no território local, fronteiriço e internacional. O relatório pode ser lido e baixado gratuitamente no portal da Unila (clique aqui para ter acesso).

Capa da primeira edição do relatório
Capa da primeira edição do relatório

“Nós criamos uma metodologia para levantar os principais indicadores da atuação da universidade e para possibilitar que a atualização deste documento – que estará acessível para consulta de servidores, estudantes, da imprensa e da comunidade – seja anual”, detalhou Michele Dacas, secretária de Comunicação Social da Unila.

“Essa metodologia implica a colaboração de todas as macrounidades para traduzir em dados quantitativos e qualitativos o que nossa universidade produz, transforma e representa, o que no caso da Unila é um imenso desafio, porque precisamos tornar visível também tudo aquilo que a diferencia como instituição de ensino superior”, complementou.

Com ensino bilíngue (português e espanhol), a universidade é considerada uma das mais internacionais do Brasil. Em 2023, eram mais de 1,6 mil estudantes estrangeiros matriculados, de um total de 4,2 mil alunos. A maior parte vem de países da América Latina e do Caribe, além de refugiados e portadores de visto humanitário.

Procedência dos alunos da Unila. Gráfico: Assessoria/Unila
Procedência dos alunos da Unila. Gráfico: Assessoria/Unila

Em relação à qualidade do ensino, o relatório destaca que a Unila alcança o conceito 4 no Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC), apresentando a segunda melhor nota entre as universidades federais do Paraná. Além disso, dois cursos estão entre os melhores do Brasil, sendo que Matemática alcançou a maior nota entre 420 cursos avaliados no país.

Os indicadores estão distribuídos em nove eixos temáticos: Ensino e Formação; Pesquisa; Extensão; Publicações; Internacionalização; Diversidade e Interculturalidade; Eventos Institucionais; Universidade, Sociedade e Desenvolvimento; e Infraestrutura. Os dados divulgados no relatório são referentes ao ano de 2023.

LEIA TAMBÉM