Agentes anticontrabando são recebidos a ovadas por comerciantes do mercado de Ciudad del Este

Uma operação de prevenção e combate ao contrabando, no Mercado de Abasto de Ciudad del Este, teve que ser interrompida nesta quinta-feira, 25, devido à reação dos comerciantes e empregados, que expulsaram os agentes a ovadas, noticia o jornal Última Hora.

A comitiva de fiscalização era formada por funcionários da Direção contra Casos Puníveis, Econômicos e Financeiros e também do Ministério de Indústria e Comércio, da Secretaria Nacional de Qualidade e Sanidade Vegetal e Sementes, da Secretaria Nacional de Qualidade e Saúde Animal e das Aduanas.

Segundo o informe policial, os comerciantes do local e seus empregados estavam em atitude belicosa e, embora os agentes tentassem dialogar para explicar o que iriam fazer, tornaram-se cada vez mais agressivos.

O administrador do Mercado de Abasto, Alejandro Martínez, e a assessora jurídica, Alice Monges, tentaram mediar o conflito, mas comerciantes e empregados começaram a lançar ovos em direção à comitiva, obrigando todos a se retirarem.

Depois disso, os comerciantes queimaram pneus em frente ao mercado, em protesto contra a tentativa de fiscalização.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.